conecte-se conosco


Cidades

Estratégia de Cuiabá no combate ao aedes aegypti é destaque nacional

Publicado

O trabalho realizado pela gestão Emanuel Pinheiro para reduzir o índice de infestação do Aedes Aegypti em Cuiabá recebeu um destaque nacional pela segunda vez em 2019.

Na edição desta segunda-feira (10) do Jornal Nacional, da Rede Globo de Televisão, o país conheceu os investimentos que são feitos e ações inovadoras que vão desde a criação do Comitê de Ações Preventivas ao mapeamento georreferenciado por drone – uma tecnologia capaz de identificar em tempo real onde estão os focos e quais materiais estão sendo usados como criadouros deste mosquito, que é o vetor de doenças como dengue, zika vírus e as febres chikungunya e amarela.

As novas táticas, utilizadas pela gestão para levar informações sobre este grave transmissor às residências cuiabanas, também foram pontuadas na reportagem nacional. É o caso das campanhas televisivas e das ações do setor de Educação em Saúde da Vigilância em Saúde e Controle de Zoonoses que tem alcançado este público ensinando para crianças, por meio de palestras integrativas em escolas e projetos sociais, de como levar conscientização aos pais sobre os danos e combate a este vetor.

Leia mais:  Prefeitura realiza 2º Encontro de Formação Continuada para Cuidadores de Alunos com Deficiência

“Nem sempre nossos agentes de combate às endemias conseguem ter acesso a algumas residências por não coincidir com horários de trabalho dos moradores. Dessa forma, levamos as orientações para as escolas, projetos sociais e assim, vamos formando pequenos agentes mirins que nos auxiliam com supremacia na orientação de seus familiares. Com isso, Cuiabá avança nas barreiras contra este grave vetor”, enfatizou o biólogo, agente de combate às endemias e Responsável Técnico das ações de Educação em Saúde, Hélio Simião.

Ações coordenadas entre secretarias como os Mutirões de Limpezas e Cata-Trecos realizados especialmente nos bairros com maior Índice de Infestação Predial (IIP), aliadas às orientações dos agentes de combate às endemias para a aplicação do ‘Projeto 10 Minutos contra o Aedes’ também foram pontuadas como diferencial de Cuiabá. Para o prefeito Emanuel Pinheiro, receber esse reconhecimento é um indicativo de que a gestão está no caminho certo conta esse perigoso mosquito.   

“Quando assumi o mandato, criamos o Comitê de Ações Preventivas ao mosquito Aedes aegypti, demonstrando nossa preocupação, sensibilidade e nossa guerra sem trégua contra esse que é o vetor de doenças tão terríveis. As ações do Comitê envolvem quase todas as secretarias do município e dessa forma seguimos no combate ainda mais efetivo não apenas no foco desses criadouros, mas também conscientizando a população de que essa luta precisa ser conjunta e constante. E este reconhecimento em nível nacional mostra que Cuiabá começa a fazer seu dever de casa na luta que travamos contra o Aedes”, finalizou Pinheiro. 

Leia mais:  Regional Norte debate saúde pública neste sábado

Confira a reportagem exibida nesta segunda-feira (10):

https://globoplay.globo.com/v/7682669/ 

 

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Artesanato na Praça retoma encontros mensais no centro de Cuiabá

Publicado

por

Gustavo Duarte

Variedade em tapetes, crochês, doces típicos e plantas levaram o colorido do artesanato à Praça da República, nesta sexta-feira (13). O encontro marca a retomada do grupo Artesanato na Praça pelos principais pontos da Capital e deve se repetir mensalmente no local.

A proposta conta com apoio da Secretaria de Agricultura, Trabalho e Desenvolvimento Econômico e traz visibilidade ao trabalho dos profissionais, ampliando a saída de produtos, expostos em um local com alto fluxo de pessoas ao longo do dia.

A titular da Pasta, Débora Marques explica que tem trabalhado para intensificar as ações voltadas ao setor. “É muito importante tanto para os profissionais, quanto para os consumidores, que possamos fortalecer um trabalho da nossa terra, que represente nossa cultura.”

Ela reforça que a garantia do espaço contribui para a geração de emprego e renda, especialmente em períodos de crise econômica, quando os números do trabalho formal despencam e essa se torna a única fonte de recursos para muitos cidadãos.

Leia mais:  Cuiabá é quarta cidade mais conectada do Brasil

Em uma passagem rápida pelos corredores da feira, vê-se intercalarem dezenas de barracas com chinelos, bolos, colares, tapioca, roupas, doces, tapetes, reproduções sacras, compotas e muitos outros. A mistura é proposital e foi pensada para evitar a repetição, estimulando os visitantes a consumir diferentes opções.

Exemplo disso são os arcos de cabelo e laços produzidos pela artesã Sônia Vieira, que há cerca de três anos a ela aprendeu a trabalhar com fitas de cetim na internet. No início os produtos eram oferecidos apenas a colegas de trabalho e a venda servia apenas como complemento de renda.

Com a aposentadoria, contudo, a atividade se tornou sua principal fonte de recursos. “Para não ficar sem fazer nada, comecei a fazer umas coisinhas mais simples. Fui pegando gosto e hoje eu faço de tudo. Para mim o artesanato também é uma forma de combater o estresse”, explica.

O trabalho já rendeu outras oportunidades. Além de expor em diferentes eventos e localidades, Sônia também já aplica um curso para quem pretende lidar com a arte. “Também criei um Empreendedor Individual (MEI), levei parte do trabalho para um box no Shopping Orla e ampliei a produção, que é exposta em várias feiras e eventos.”

Leia mais:  Prefeitura realiza 2º Encontro de Formação Continuada para Cuidadores de Alunos com Deficiência

Fabiana Galeano de Araújo faz parte da diretoria do Artesanato na Praça, que hoje conta com cerca de 80 membros. Ela conta que o grupo, fundado pela professora Jacy Proença, tem mais de 10 anos e que voltar a realizar o evento na Praça é fundamental para a categoria.  

“O artesão não tem lugar fixo, então essa visibilidade, esse movimento do público são muito importantes para nós”, finaliza.

Fonte: Prefeitura de Cuiabá
Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana