conecte-se conosco


Cidades

Equipamentos de fiscalização e monitoramento são instalados na Avenida Miguel Sutil

Publicado

Para atender o aumento do fluxo de pessoas e veículos que circulam, desde esta terça-feira (23), pelas vias da Avenida Miguel Sutil –  altura do novo empreendimento da Capital: o Shopping Estação Cuiabá, a Prefeitura de Cuiabá está adotando alguns medidas de segurança. No local, a equipe da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) já instalou um equipamento de fiscalização eletrônica (radar) e fez a parte de sinalização viária e, até a segunda quinzena de novembro, será colocada uma câmera de vídeo monitoramento em frente ao novo shopping.  

De acordo com o diretor de Trânsito, Michell Diniz, os equipamentos começam a funcionar, autuando e monitorando, no próximo mês. O diretor explica que a parte de funcionamento depende de alguns fatores, como a aferição do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), corte das vias para instalação de fios e outras peças e que, em novembro, o processo estará concluído e entregue à população.

 “A instalação completa dos equipamentos demanda um certo tempo, principalmente na parte de funcionalidade, pois necessita de cuidados e também de outros órgãos. Mas a parte de sinalização viária já está pronta e isso já ajuda na redução de velocidade nas vias. Pedimos a compreensão e colaboração da população com essas mudanças. É uma movimentação nova e requer um período para que todos se adaptem”, observa Diniz.

O diretor ainda orienta quanto aos cuidados dos pedestres ao atravessar as pistas. “Colocamos agentes no local, cuidando e orientando a travessia na frente do estabelecimento. Nisso, também pedimos que os condutores deem preferência a usar o estacionamento do shopping, evitando parar nas ruas adjacentes da região e em passeios públicos. Isso diminui o fluxo de travessia e ainda protege de furtos, trazendo segurança para todos”, pontua.

 

Leia mais:  Prefeitura e Tribunal de Justiça alinham ações do projeto Verde Novo

Projetos futuros – A Prefeitura de Cuiabá e a equipe de engenharia do novo shopping Estação está desenvolvendo um plano de impacto do local. Esse plano tem o objetivo de estudar esse fluxo no ambiente pelos próximos meses, analisando como a trafegabilidade vai se desenvolver nas vias, na altura do estabelecimento. “Isso norteia os setores para a necessidade, ou não de novas medidas de mobilidade.  Essas medidas seriam a instalação de uma semáforo inteligente e até, futuramente, a construção de um passarela. “São medidas mitigadoras também, que seriam, caso houver a necessidade de executá-las, custeadas pelo shopping, em uma parceria público-privada”, finaliza Diniz.

 

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  MT tem 28.307 pedidos represados nas agências do INSS

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  Prefeitura e Tribunal de Justiça alinham ações do projeto Verde Novo

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana