conecte-se conosco


Política

Entenda por que o tempo virou, mas não choveu na Capital na noite de quinta-feira

Publicado

Cuiabá recebeu uma queda na temperatura, rajadas de vento e o tempo virou na última quinta (12), no final da tarde para a noite. No entanto, diferente do que muitos esperavam, não choveu e a umidade segue baixa, registrando os10%.

Em entrevista à Rádio Metrópole FM, na manhã desta sexta-feira (13), o tenente-coronel e assessor de proteção da Defesa Civil, Paulo Selva, explicou que se trata de uma interação entre as estações Inverno e Primavera, o que gera fenômenos meteorológicos climáticos.

“Esse é o final do Inverno e se aproxima a Primavera, então é comum acontecer essa interação de uma estação com a outra, o que gera rajadas de vento.”, esclarece Selva.

“Esse é o final do Inverno e se aproxima a Primavera, então é comum acontecer essa interação de uma estação com a outra, o que gera rajadas de vento.”, esclarece Selva.

“O regime de vento deve ter modificado a temperatura. Estamos dentro de uma depressão, e isso causa uma aerificação na área”, continua.

Sobre a seca, o tenente-coronel explica que as previsões determinam que as chuvas tenham início na primeira semana do mês de outubro.

Leia mais:  3ª Edição da Pescaria da Melhor Idade será nesta terça-feira (16)

“Pode ser que ocorra antes desse período, mas os equipamentos apontam apenas na primeira semana de outubro”, argumenta.

 

Selva disse que a previsão é de uma temperatura média, na casa dos 35 graus, com 10% de umidade, para esta sexta-feira (13).  A umidade “está abaixando cada vez mais, é severo, estamos em estado emergencial“, lembra.

Fenômenos em Cuiabá

Na última quarta-feira (11), o raro fenômeno da chuva virga, ou como é conhecida chuva invisível, passou em Cuiabá. Nesse episódio, a água cai das nuvens, mas não chega a tocar o chão. Foram apenas três milímetros de água.

Segundo Paulo Selva, essa chuva não ameniza o calor. “Com essa quantidade mínima a água não chega tocar o solo. Devido à temperatura acaba evaporando no ar”, explica Selva.

reportermt

Comentários Facebook
publicidade

Política

Virginia Mendes detona guerrilheiros virtuais

Publicado

A primeira-dama, Virginia Mendes, utilizou as redes sociais para desabafar sobre “deboches e ironias” que o marido, governador Mauro Mendes (DEM), vem sofrendo num grupo de WhastsApp pelo fato de estar internado em São Paulo para tratar de uma pneumonia. Em uma sequência de prints, Virginia expôs diversos comentários em que os integrantes do grupo falam em “coincidência” o fato do democrata passar mal enquanto cumpria agenda de trabalho na capital paulista. Os integrantes utilizaram até uma foto do casal com a filha caçula em forma de “meme” para criticar a situação.

Indignada, a primeira-dama classificou as falas como “maldosas” e rebateu a falta de sensibilidade dos participantes. “Neste momento meu coração está muito dolorido e é impressionante como mesmo em momentos tão difíceis como o que estou atravessando dentro da minha família, com minha mãe internada numa UTI, meu esposo internado num hospital, extremamente fragilizada com tudo isso ainda tenham pessoas maldosas, sem o mínimo de sensibilidade com a situação, falando e fazendo suposições totalmente equivocadas sobre o estado de saúde do meu marido, sobre os fatos que levaram a sua internação”, escreveu.

Leia mais:  Risco a população; fiscais identificam irregularidades na reabertura Shopping popular de Cuiabá

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana