conecte-se conosco


Cidades

Energisa faz processo seletivo para preencher 31 vagas em Mato Grosso

Publicado

Conquistar um emprego formal, com carteira assinada, é o desejo de muitos trabalhadores. Em Mato Grosso, o Grupo Energisa oferece essa oportunidade regularmente e está com 31 vagas abertas, distribuídas por 13 cidades. Do total, três são para pessoas com deficiência (PCD) e três para banco de talentos. Na lista de cidades estão Cuiabá (8 vagas), Sinop (6), Primavera do Leste (3), Alta Floresta (3), Rondonópolis (2), Sorriso (2), Canarana, Juína, Peixoto de Azevedo, Chapada dos Guimarães, Vila Rica, Brasnorte e Vera.

Os processos seletivos são para o recrutamento de profissionais para atuar como assistente administrativo, almoxarife, eletricista de linha viva, eletricista de montagem e manutenção, engenheiro de Segurança do Trabalho, analista suporte e gestão, programador de PCMS I, eletricista de distribuição, eletricista de linha viva transmissão, engenheiro de operação, auxiliar comercial, analista de logística e auxiliar de almoxarifado.

As pessoas contratadas vão trabalhar nos setores administrativo; na central de serviços; de construção e manutenção da distribuição; de operações, de serviços comerciais; e de suprimentos e logística. Os interessados devem se cadastrar no Portal Kenoby.

Como se candidatar

As vagas de emprego podem ser acessadas no espaço da Energisa no Portal Kenoby pelo endereço https://jobs.kenoby.com/grupoenergisa. No Portal Kenoby, o interessado deve selecionar as vagas de Mato Grosso (selecionar MT no campo “Estado”) e clicar em Procurar. Lá, estarão informações sobre pré-requisitos, atividades e a opção para o cadastro do currículo.

Reconhecimento

Além de regularmente abrir vagas para candidatos externos, o Grupo Energisa tem um programa de recrutamento interno, que reconhece e valoriza talentos. Assim, a cada nova vaga que surge, a empresa faz uma busca primeiro entre os seus colaboradores. “Temos em nossa política a priorização do público interno para o preenchimento das vagas. Caso o candidato não seja encontrado, anunciamos para o público externo, sempre por meio do Portal”, afirma a consultora de RH Business Partner da Energisa Mato Grosso, Alina Braz dos Santos.

Leia mais:  Prefeitura de Cuiabá convoca aprovados em várias funções para a Educação

Para se ter uma ideia de como o recrutamento interno é importante, no ano passado foram 95 promoções decorrentes de processos seletivos entre os colaboradores. Nessa estatística está Rafael Pereira Lopes, promovido recentemente a supervisor de Construção e Manutenção I. Com seis anos de empresa, já trabalhou como inspetor de Rede, inspetor de Obras, técnico de Manutenção. Paralelo a isso buscou novos conhecimentos, se capacitou e assumiu um novo desafio, para o qual teve que se mudar de Rondonópolis para Lucas do Rio Verde. “Fiquei muito feliz, pois vinha buscando me desenvolver pessoalmente e profissionalmente, pois sei que a empresa busca dar novas oportunidades de crescimento”.

Outro exemplo de que a Energisa oferece oportunidade para o profissional fazer carreira é o de Lauriceia Fernanda Martins de Souza. Começou na empresa como estagiária em 2015, contratada como assistente administrativa. Ambiciosa e com planos de construir uma trajetória profissional de sucesso, fez faculdade de Administração, pós-graduação e esperou o momento mais oportuno para dar um passo maior, o que foi concretizado no último ano, quando foi promovida a analista Comercial I. “Eu sempre fui atrás dos meus objetivos e não espero que as coisas aconteçam sozinhas. Procurei desempenhar meu trabalho com qualidade e busquei conhecimentos. Quando vi que estava preparada me candidatei à vaga de analista.”

Leia mais:  Fux toma posse hoje como presidente do Supremo Tribunal Federal

O Grupo Energisa está entre as melhores empresas para se trabalhar no Brasil, reconhecida pelos colaboradores com o selo Great Place to Work. 

Sobre a Energisa   

Com 116 anos de história, o Grupo Energisa é o 5º maior em distribuição de energia elétrica. Uma das primeiras empresas a abrir capital no Brasil, a companhia controla 11 distribuidoras em Minas Gerais, Paraíba, Rio de Janeiro, Sergipe, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, São Paulo, Paraná, Rondônia e Acre. Com receita líquida anual de R$ 16,9 bilhões (ano 2019), o Grupo atende a 7,8 milhões de clientes (o que representa uma população atendida de aproximadamente 20 milhões de pessoas) em 862 municípios de todas as regiões do Brasil, além de gerar cerca de 20,5 mil empregos diretos e indiretos.

Com a missão de transformar energia em conforto, desenvolvimento e oportunidades de forma sustentável, responsável e ética, a Energisa atua com um portfólio diversificado que engloba distribuição, geração, transmissão, serviços para o setor elétrico (Energisa Soluções), serviços especializados de Call Center (Multi Energisa), comercialização de energia (Energisa Comercializadora) e soluções em energias renováveis (Alsol).

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Governador de MT declara situação de emergência para ajudar os municípios

Publicado

O governador Mauro Mendes declarou situação de emergência no Estado de Mato Grosso por conta do avanço do coronavírus, de forma a auxiliar os 141 municípios a enfrentar a pandemia.

O decreto foi publicado nesta quarta-feira (14.04) e ainda deverá passar pela validação do Governo Federal.

A situação de emergência atendeu solicitação da Defesa Civil do Estado e terá validade de 30 dias, podendo ser prorrogada por mais 180 dias.

Conforme o governador, a declaração de emergência ajuda os municípios a conseguirem, com menos burocracia, realizar as ações de enfrentamento à covid-19.

“A maioria dos municípios está com classificação de risco alta ou muito alta, com UTIs na capacidade máxima. Com o decreto, as prefeituras conseguem fazer aquisições e investimentos emergenciais com mais agilidade, tendo em vista a urgência em salvar vidas”, explicou.

Outras ações

O Governo de Mato Grosso tem tomado uma série de providências para o combate à pandemia. Confira as principais:

SAÚDE

Abriu o Centro de Triagem Covid-19 na Arena Pantanal, que oferece consulta, testes, medicamentos e até tomografia. Já foram mais de 146 mil atendimentos
Abriu 608 leitos de UTI em 1 ano, entre pactuados, próprios e em parceria com municípios de todas as regiões do Estado.
Construiu o maior número de UTIs por 100 mil habitantes entre os estados do Centro-Oeste, segundo o Ministério da Saúde.

Ampliou o Hospital Metropolitano, em Várzea Grande, de 38 leitos, para 278 leitos (238 clínicos e 40 UTIs)
Ampliou o Hospital Regional de Cáceres, com 30 novos leitos covid (10 de UTI e 20 de enfermaria)
Paga, em parceria com os municípios, as despesas de 899 leitos de enfermaria para covid.

Leia mais:  Interessados em ser Observador Oficial da 13ª Conferência Municipal de Saúde devem se inscrever até amanhã

Está em processo de abertura de mais leitos de enfermaria, em parceria com municípios.
Repassou verba extra de R$ 69,8 milhões a todos os 141 municípios para ajudar no tratamento da covid.
Distribuiu 600 mil testes para todos os municípios e está comprando mais 550 mil. É o segundo estado do país que mais testa a sua população.
Comprou 239 respiradores e 326 monitores.
Entregou 20 ambulâncias para os municípios do interior.
Enviou 12,9 milhões de medicamentos aos municípios.
Paga verba extra aos profissionais de Saúde da linha de frente.
Comprou EPIs para os profissionais de Saúde
Distribuiu 360 mil litros de álcool 70% e mais 60 mil litros de álcool gel para unidades de saúde, prefeituras, órgãos estaduais e forças de segurança. Tudo produzido em parceria com instituições privadas e de ensino.

EDUCAÇÃO

Distribuiu 342,3 mil kits-alimentação a alunos de baixa renda
Entregou 850 mil apostilas aos alunos sem acesso à internet
Instituiu ajuda de custo para 15,9 mil professores comprarem notebooks e planos de internet

MEDIDAS ECONÔMICAS

Prorrogou e parcelou o ICMS de 180 mil empresas inscritas no Simples Nacional
Isentou o IPVA de 2021 aos setores de bares, restaurantes, eventos, motocicletas de até 160 cc, e motoristas de aplicativo.
Isentou o IPVA do 1º emplacamento até dezembro de 2023
Prorrogou o pagamento do IPVA
Prorrogou o pagamento do licenciamento
Manteve a isenção de ICMS sobre os produtos da cesta básica
Isentou o ICMS da energia elétrica a 147 mil famílias de baixa renda em 2020
Isentou o ICMS sobre os produtos usados no combate a covid em 2020
Reduziu o ICMS de 7% para 3% a bares, restaurantes e similares
Concedeu R$ 55 milhões em linhas de crédito para socorrer micro e pequenas empresas e setor de bares, restaurantes e eventos.
Parcelou dívidas pendentes de ICMS para o setor de bares, restaurantes e eventos por 60 meses e postergou os novos pagamentos por 3 meses.
Isentou o ICMS para transporte escolar e fretamento turístico em 2020
Prorrogou o pagamento das parcelas dos financiamentos do Fundeic contraídos com a Desenvolve MT
Isentou a Taxa de Serviços Estaduais para abertura de novas empresas
Prorrogou a validade de certidões negativas de débitos em 2020
Prorrogou as licenças de operação, outorgas e CC-Sema em 2020

Leia mais:  Artesanato na Praça fortalece rede de mulheres e garante geração de renda

AÇÃO SOCIAL

Implantou programa que ajuda 100 mil famílias de baixa renda, com auxílio mensal de R$ 150
Distribuiu 330 mil cestas básicas e está em processo de aquisição de mais 534 mil.
Entregou 200 mil máscaras aos servidores e população.

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana