conecte-se conosco


Cidades

Emanuel Pinheiro lança obra do primeiro hospital municipal veterinário público de MT

Publicado

Prefeitura de Cuiabá

Clique para ampliar

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, realiza na próxima segunda-feira (17), às 9h, o lançamento das obras do primeiro Hospital Veterinário Municipal – ‘Manchinha’. A unidade vai atender gatos e cachorros gratuitamente, com exames laboratoriais, consultas e cirurgias.

O prédio – que tem prazo de entrega de 150 dias – será construído em terreno em frente ao Cemitério Parque Bom Jesus, instalado na  Rodovia Palmiro Paes de Barros.

A criação do Hospital Veterinário Municipal é mais um compromisso cumprido pela gestão Emanuel Pinheiro. “Já implantamos uma Diretoria de Bem-Estar Animal que trabalha no resgate, fiscalização de maus-tratos e na promoção da adoção responsável. Agora, daremos início a uma obra que será referência no país, com atendimento 100% público”.

No total, explica, o HVM contará com três etapas para sua instalação completa: a primeira destina-se à implantação do pronto-socorro. Já na segunda fase será criado um centro veterinário com a implantação de canil e gatil. Já a terceira etapa irá contemplar um espaço destinado ao lazer da população.

Leia mais:  Final da Libertadores, shows musicais, estreia nos cinemas e exposição embalam o fim de semana

O local também se tornará a sede da Diretoria de Bem-Estar Animal, que é vinculada à Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano. A estrutura vai contar com três consultórios, área para animais hospitalizados, área de controle emergencial, sala de raio-x, laboratório de análises clínicas e sala de cirurgia.

Só no ano passado, por meio do Disque Denúncia (0800 647 7755), a Diretoria de Bem-Estar recebeu no primeiro semestre de 2019, 559 denúncias de maus-tratos, abandono e pedidos de resgate de animais atropelados em vias públicas.

SERVIÇO:

O que: Lançamento de obra do primeiro Hospital Veterinário Municipal – ‘Manchinha’

Quando: Segunda-feira (17), às 9h.

Onde: Rodovia Palmiro Paes de Barros, em frente ao Cemitério Parque Bom Jesus.

 

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Criança é internada na UTI após médico dizer que falta de ar e tosse era virose

Publicado

por

Prefeitura admitiu o erro médico e informou que a criança teve infecção no ouvido que se agravou para pneumonia

Uma menina de 5 anos, moradora de Várzea Grande, teve o quadro de pneumonia agravado após não ter recebido o diagnóstico correto quando foi levada à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Cristo Rei na última semana.O pai da criança

conta que na sexta-feira (20), levou a criança à UPA para realizar uma consulta após tossir muito e sentir falta de ar. No entanto, o médico constatou, após consulta, que era ‘virose’ e receitou alguns medicamentos.

No entanto, o pai conta que durante o final de semana a menina continuou tossindo muito e, por isso, decidiu retornar ao médico. Ele comenta que sua filha só passou pela triagem e que não foi encaminhada ao atendimento médico por do atendimento de casos suspeitos de coronavírus.

Uma funcionária da unidade de saúde recomendou ao pai da menina que levasse ela na terça-feira para um postinho ou em uma Policlínica. Ele conta que levou a criança em duas Policlínicas, mas não conseguiu que fosse atendida porque não tinha médicos.

Leia mais:  Licitação é finalizada e obras dos viadutos serão lançadas a partir da próxima semana

Então, ele decidiu retornar para UPA do Cristo Rei e conversou com uma funcionária da área de triagem que pediu que ele levasse a menina na unidade. Desta vez, ele relata que a criança conseguiu atendimento e o médico pediu que ela fosse internada.

O pai conta que mais tarde a criança foi encaminhada para o Pronto Socorro com água no pulmão.

“Porque na sexta-feira o médico não fez um exame de sangue. Agora, minha guria esta intubada na UTI do Pronto Socorro de Várzea Grande”.

A Secretaria de Comunicação da prefeitura disse que houve um erro por parte da equipe da enfermagem durante a triagem na UPA do Cristo Rei e, por isso, uma investigação será feita para descobrir quem cometeu a falha.

A pasta ressaltou que a criança esta intenada na UTI do Pronto Socorro após uma infecção no ouvido ter avançado e provocado uma pneumonia.

Por: RepórterMT

Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana