conecte-se conosco


Cidades

Emanuel diz que Cuiabá não tem espaço para aventureiros

Publicado

Após ser reeleito prefeito por Cuiabá para mais 4 anos de mandato, Emanuel Pinheiro (MDB) disse que a capital “não tem espaço para aventureiros” em referência ao seu adversário na disputa pelo pleito no 2º turno, vereador Abílio Júnior (Pode).

“A verdade venceu a mentira, a verdade venceu a fake news. Não tem espaço para aventureiros, Cuiabá é coisa séria”, disse à imprensa neste domingo (29), na frente da sua residência no bairro Jardim das Américas, na primeira entrevista coletiva com a vitória.

 

Questionado se recebeu a ligação cosutumeira do candidato advsersário para agradecer sobre a disputa, Emanuel disse que não e brincou  “não vou nem dormir hoje”.

 

“Eu acho que tem que ter postura,   se  eu tivesse perdido as eleiçãoes a primeira coisa que eu faria era humildimente aceitar a derrota e desejar sucesso e me colocar em inteira disposição. É assim que os estadistas agem”.

Segundo o prefeito, a capital é um cidade que está em constante crescimento e não pode ter como gestor uma pessoa não sabe conduzir seu próprio gabinete.

Leia mais:  2,5 mil pessoas aguardam em fila processo para 20 vagas

“Cuiabá é uma das capitais mais emergentes do País, uma cidade de oportunidades, não cabe aventureiros, não cabe oportunista, não cabe trocar o certo pelo duvidoso de quem não deu conta nem administrar um gabinete parlamentar”, alfinetou.

Em relação a vitória apertada com uma diferença de pouco mais de 6 mil votos entre os dois, Emanuel ressaltou que entendeu o recado, mas que espera entrar em sintonia com quem votou em seu adversário.

“Primeiro quero pregar união, aparentemente Cuiabá parece dividida. Uma maioria muito pequena apoia o prefeito e uma minoria bem consistente seria contra. A população ela é democrática, vocês podem ver que 86% da população apoia nossa gestão, então é só fazer a sintonia, venderam muita fake news para a população cuiabana, mas é uma população inteligente e politizada, mas eu vou absorver o recado”, afirmou.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  Curso Preparatório Comunitário chega a reta final com mais de mil alunos atendidos

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  Pedal da Semob encerra as atividades de 2019

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana