conecte-se conosco


Política

Eleitores são presos por filmar urna e vender bebida alcoólica em MT

Publicado

Dois eleitores foram presos na manhã deste domingo (28) durante o segundo turno das eleições em Mato Grosso. As informações foram repassadas pelo juiz auxiliar da presidência e coordenador do Gabinete de Gestão Integrada (GGI) do Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT), Lídio Modesto da Silva Filho.

O primeiro caso ocorreu em Cuiabá. Uma mulher fotografou a urna eletrônica, violando o sigilo do voto.

“O procedimento foi o encaminhamento para o cadeião, onde se encontra o delegado da Polícia Federal para que seja realizado o termo circunstanciado e será dado, portanto, o procedimento regulamentar em relação à ocorrência”, disse Modesto.

O outro caso ocorreu em Sapezal (509 km de Cuiabá). Um comerciante foi detido por vender bebida alcoólica no horário proibido pela Justiça Eleitoral do município.

“Houve o crime de desobediência praticado por um comerciante que estava vendendo bebida alcoólica e naquele município o juiz eleitoral decretou Lei Seca”, explicou o juiz.

No primeiro boletim, divulgado nesta manhã, em Mato Grosso 19 urnas foram substituídas. Além disso, foram registradas dez ocorrências de queda de energia em Campinápolis e Tangará da Serra.

Leia mais:  Sema apresenta Política Florestal de Mato Grosso a engenheiros

Por: RAFAEL MACHADO/ repórterMT

Comentários Facebook
publicidade

Política

Deputado assina TAC e promete não realizar mais festas

Publicado

O deputado estadual Faissal Calil (PV) assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público Estadual (MPE) no qual se compromete a não realizar festas em sua residência, localizada no bairro Shangri-lá em Cuiabá, que excedam o volume de som permitido na “Lei do Silêncio”. O desrespeito à norma renderá multa no valor de R$ 3 mil.

“Se abster, a partir desta data, de produzir nos eventos realizados em sua residência ou sob sua responsabilidade, ruídos em níveis tais que possam resultar em danos à saúde humana”, diz o promotor 17ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Urbanística e do Patrimônio Cultural de Cuiabá, Gerson Natalício Barbosa.

 

De acordo com o TAC, chegou ao conhecimento da promotoria de Justiça que o deputado realizou uma festa para comemorar a vitória do vereador Marcus Brito Jr. (PV), que é seu aliado político. O termo de compromisso foi assinado no dia 15 de dezembro.

Ainda consta no documento que as celebrações são realizadas com frequência no local. “De acordo com a notícia, as festas organizadas pelo senhor Faissal Jorge Calil Filho são recorrentes e causam grande perturbação à vizinhança”.

Leia mais:  Bolsonaro tem melhora clínica progressiva e continua com dieta líquida

 

Veja vídeo da festa 

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana