conecte-se conosco


Cidades

Eleição ao Senado em MT terá 11 candidatos; veja lista

Publicado

Quarta-feira foi o último dia para a definição dos candidatos que vão disputar vaga nas eleições de 15 de novembro.

No dia 15 de novembro os eleitores vão escolher um dos 11 candidatos anunciados pelos partidos para disputar uma vaga no Senado por Mato Grosso na eleição suplementar.

As convenções encerraram na noite dessa quarta-feira (16).

A eleição suplementar irá eleger o candidato que vai ocupar a vaga no Senado aberta com a cassação de Selma Arruda, no ano passado.

Outros três partidos informaram que vão realizar convenções e lançar candidatos à vaga ainda esta noite. Esta quarta-feira (16) foi o último dia para as convenções, conforme o estabelecido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Foram oficializados os seguintes candidatos:

Carlos Fávaro (PSD) é candidato ao Senado — Foto: Reprodução

Carlos Fávaro (PSD) é candidato ao Senado — Foto: Reprodução

CARLOS FÁVARO (PSD)

Durante convenção realizada na terça-feira (15), o PSD confirmou o nome de Carlos Fávaro como candidato ao Senado. Hoje ele ocupa interinamente a vaga deixada pela ex-senadora Selma Arruda.

Carlos Fávaro tem 50 anos e é produtor rural. Ele ingressou na política em 2005. Foi vice-governador do estado entre os anos de 2014 e 2018, durante a gestão de Pedro Taques.

Coronel Fernanda é candidata ao Senado — Foto: Reprodução

Coronel Fernanda é candidata ao Senado — Foto: Reprodução

CORONEL FERNANDA (PATRIOTA)

A candidatura de Rúbia Fernanda Diniz Robson Santos de Siqueira, a coronel Fernanda, ao Senado, foi oficializada no início deste mês.

A chapa pura do Patriota conta ainda com o ex-deputado federal Victório Galli como primeiro suplente e o tenente Luciano Esteves, na segunda suplência.

A candidata tem 45 anos e é natural de Cuiabá. Ela entrou na Polícia Militar de Mato Grosso em 1996. É formada em direito e tem especialização em segurança pública, ciências criminais e administração pública.

Euclides Ribeiro é candidato ao Senado em MT — Foto: Paola Carlini

Euclides Ribeiro é candidato ao Senado em MT — Foto: Paola Carlini

EUCLIDES RIBEIRO (AVANTE)

O Avante oficializou a candidatura do advogado Euclides Ribeiro ao Senado, no sábado (12). Ele vai concorrer à vaga na eleição suplementar que será realizada junto com as eleições municipais, no dia 15 de novembro.

A convenção ocorreu no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá. Em virtude de risco sanitário por conta da pandemia do Covid-19, o evento foi online.

Leia mais:  Ataques de animais peçonhentos mataram seis pessoas no 1º semestre de 2019 em MT

Ribeiro é de Cuiabá. É empresário e advogado da área de recuperação judicial.

O deputado estadual Elizeu Nascimento, de 44 anos, foi lançado como candidato ao senado na noite dessa quarta-feira (16) pelo Partido Democracia Cristã, em Cuiabá — Foto: Divulgação

O deputado estadual Elizeu Nascimento, de 44 anos, foi lançado como candidato ao senado na noite dessa quarta-feira (16) pelo Partido Democracia Cristã, em Cuiabá — Foto: Divulgação

ELIZEU NASCIMENTO (PARTIDO DEMOCRACIA CRISTÃ)

O deputado estadual Elizeu Nascimento, de 44 anos, foi lançado como candidato ao senado na noite dessa quarta-feira (16) pelo Partido Democracia Cristã, em Cuiabá. A convenção ocorreu em um hotel da capital.

Elizeu é sargento da Polícia Militar de Mato Grosso e nasceu em Tangará da Serra, a 242 km de Cuiabá. Ele é casado e pai de quatro filhos.

Partido Novo oficializou candidatura do professor universitário Feliciano Azuaga ao Senado em MT — Foto: TV Centro América/Reprodução

Partido Novo oficializou candidatura do professor universitário Feliciano Azuaga ao Senado em MT — Foto: TV Centro América/Reprodução

FELICIANO AZUAGA (NOVO)

O Partido Novo lançou no dia 2 deste mês, em Cuiabá, o nome de Feliciano Azuaga, de 39 anos, como candidato ao Senado.

Feliciano nasceu em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, mora em Mato Grosso há 14 anos e é economista, doutor e mestre em economia.

O candidato é professor da Universidade de Mato Grosso (Unemat).

Ele disputa a vaga para o Senado pela primeira vez.

Feliciano terá como primeiro suplente Sérgio Antunes e, como segunda suplente, Vanessa Tomizawa.

José Medeiros (Podemos), candidato ao Senado — Foto: Reprodução

José Medeiros (Podemos), candidato ao Senado — Foto: Reprodução

JOSÉ MEDEIROS (PODEMOS)

O partido Podemos lançou nessa terça-feira o nome de José Medeiros como candidato ao Senado.

Medeiros tem 50 anos, nasceu em Caicó, no Rio Grande do Norte. É formado em matemática, direito e foi agente da Polícia Rodoviária Federal.

Ele já ocupou a cadeira de senador de 2015 a 2019, como suplente, e atualmente é deputado federal.

Nilson Leitão é candidato ao Senado pelo PSDB — Foto: Reprodução

Nilson Leitão é candidato ao Senado pelo PSDB — Foto: Reprodução

NILSON LEITÃO (PSDB)

O PSDB homologou a candidatura de Nilson Leitão ao Senado na noite desta terça-feira (15), em convenção realizada em Sinop.

Leitão tem 51 anos e é natural de Cassilândia, MS. Já foi vereador e prefeito de Sinop, deputado estadual e também ocupou vaga na Câmara Federal.

Em convenção, o Solidariedade lançou a candidatura de Pedro Taques ao Senado Federal, nesta quarta-feira (16), em um hotel localizado na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá — Foto: Divulgação

Em convenção, o Solidariedade lançou a candidatura de Pedro Taques ao Senado Federal, nesta quarta-feira (16), em um hotel localizado na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá — Foto: Divulgação

Leia mais:  Prefeito lamenta morte do ex-vereador de Várzea Grande Ênio Caldart

PEDRO TAQUES (SOLIDARIEDADE)

Em convenção, o Solidariedade lançou a candidatura de Pedro Taques ao Senado Federal, nesta quarta-feira (16), em um hotel localizado na Avenida Miguel Sutil, em Cuiabá. O evento foi transmitido pelas redes sociais.

Taques é ex-governador de Mato Grosso. Ele nasceu em Cuiabá e tem uma filha. Taques faculdade de direito em Taubaté (SP) e depois passou no concurso para procurador da República. Por causa da profissão, morou por alguns anos em São Paulo.

Procurador Mauro é candidato ao Senado pelo PSOL — Foto: Reprodução

Procurador Mauro é candidato ao Senado pelo PSOL — Foto: Reprodução

PROCURADOR MAURO (PSOL)

Em convenção realizada pela internet nesta quarta-feira, o PSOL escolheu como candidato a senador na eleição suplementar, Mauro César Lara de Barros, o Procurador Mauro.

Mauro, de 45 anos, é procurador da Fazenda Nacional e músico, é formado em direito pela UFMT.

Ele já disputou outras eleições a prefeito de Cuiabá, deputado federal, senador e governador.

Empresário Reinaldo Morais (PSC) foi lançado como candidato ao Senado por Mato Grosso — Foto: Divulgação

Empresário Reinaldo Morais (PSC) foi lançado como candidato ao Senado por Mato Grosso — Foto: Divulgação

REINALDO MORAIS (PSC)

O empresário Reinaldo Morais (PSC) foi lançado como candidato ao Senado na noite desta quarta-feira (16), durante convenção em um hotel, em Cuiabá.

Reinaldo Morais tem 49 anos, é natural do Paraná, casado e pai de três filhos. É formado em zootecnia, cursou mestrado na área de nutrição animal, tendo dedicado grande parte da sua vida ao empreendedorismo no ramo alimentício.

Foi responsável pelo surgimento dos maiores frigoríficos no país.

 O Partido dos Trabalhadores em Mato Grosso (PT-MT) oficializou nessa quarta-feira (16) a candidatura do presidente da sigla, deputado estadual Valdir Barranco ao Senado — Foto: Divulgação

O Partido dos Trabalhadores em Mato Grosso (PT-MT) oficializou nessa quarta-feira (16) a candidatura do presidente da sigla, deputado estadual Valdir Barranco ao Senado — Foto: Divulgação

VALDIR BARRANCO (PT)

O Partido dos Trabalhadores em Mato Grosso (PT-MT) oficializou nessa quarta-feira (16) a candidatura do presidente da sigla, deputado estadual Valdir Barranco ao Senado.

A primeira suplência fica com a ex-reitora Maria Lucia Cavalli Neder (PCdoB), e a segunda com a ex-vereadora por Cuiabá, professora universitária aposentada Enelinda Scala (PT).

Barranco é biólogo e tem 45 anos. Ele ingressou na política sendo prefeito de Nova Bandeirantes. Foi eleito deputado em 2014 e reeleito em 2018.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  Ataques de animais peçonhentos mataram seis pessoas no 1º semestre de 2019 em MT

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  COLETIVA DE IMPRENSA – Prefeito concede coletiva para falar sobre novo Hospital Municipal de Cuiabá

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana