conecte-se conosco


Mato Grosso

Dois suspeitos que cumprem condicional são presos por furtos de jóias e bebidas

Publicado

Nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (25.10), policiais da 5ª Companhia de PM de Marcelândia (a 640 km de Cuiabá), com apoio da Polícia Civil, prenderam em flagrante delitos dois suspeitos pelo furtos de jóias e bebidas em uma residência.

Fabrício Reinaldo dos Santos, 23, o primeiro a ser preso, tentou fugir para uma área de mata na região do Parque Buriti, porém foi cercado e preso. O segundo, Ronaldo Paulo Pedrozo, 30, foi preso em um hotel da área central, onde estava hospedado.

Conforme os policiais, com Fabrício foram apreendidos um relógio de pulso, três pares de brincos, três anéis, duas correntes. Já com Ronaldo estavam diversas garrafas de bebidas alcoólicas, entre as quais uísque e vodka, além de um colar de ouro, uma caixa de som e diversas munições de pistola 380.

Conforme registro da PMMT, os dois suspeitos têm diversas passagens na polícia pela prática de furtos e ambos estavam cumprindo pena em liberdade condicional. 

Comentários Facebook
Leia mais:  Sema constrói planejamento estratégico 2019/22
publicidade

Mato Grosso

Servidor é preso por roubar pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras

Publicado

Foram desviados pelo menos 12 pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 35 mil.

Um servidor público suspeito de desviar pneus de veículos da prefeitura de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, prestou esclarecimentos na delegacia do município. Segundo a Polícia Civil, ele deve responder pelo crime de peculato.

As investigações começaram no dia 22 de março, quando o prefeito Adilson Gonçalves de Macedo registrou um boletim de ocorrência denunciando o suposto desvio.

O delegado Wilyney Santana Borges disse que várias buscas foram realizadas, até que o suspeito acabou confessando o crime. Em depoimento, ele contou que os pneus foram repassados para um comerciante como parte do pagamento na aquisição de um carro dele de luxo.

Os pneus desviados eram de veículos da Secretaria Municipal de Urbanismo.

De acordo com a polícia, nas investigações, foi apurado que pneus adquiridos para serem utilizados nas automóveis da secretaria foram desviados nos meses de novembro e dezembro de 2020, por um servidor  que exercia funções no setor de frotas da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

Leia mais:  Seduc entrega materiais esportivos para escolas estaduais

Segundo o delegado, os indícios apontados no inquérito indicam que foi possível constatar o desvio de pelo menos 12 pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 35 mil.

A Polícia Civil informou que o investigado pela venda dos pneus deverá responder ação penal pelo crime de peculato, vez que na época dos desvios, exercia o cargo de funcionário público. Já o comerciante que recebeu os pneus desviados, em troca de pagamento, responderá pelo crime de receptação.

A delegacia de Barra do Garças continua as investigações para saber se havia a conivência ou participação de outros servidores municipais, envolvidos no caso dos pneus desviados.

Por G1 MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana