conecte-se conosco


Sem categoria

Deputada estadual Janaína Riva (MDB) diz que Max Russi pode ser o nome indicado para TCE

Publicado

A deputada estadual Janaína Riva (MDB) é grande articuladora responsável pela da candidatura de seu colega de Parlamento, Guilherme Maluf (PSDB), ao cargo de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Em reunião realizada  nesta  terça-feira (19), a maior parte dos deputados chegou ao consenso que a indicação do tucano causaria transtornos jurídicos ao Parlamento, podendo atrasar ainda mais o preenchimento do cargo, vago desde 2014, quando Humberto Bosaipo renunciou à sua cadeira.

De acordo com ela, o favorito dos parlamentares, depois desta reunião, é o deputado estadual Max Russi (PSB), 1º secretário da Casa, mas, além dele, ainda há outros parlamentares que colocaram suas candidaturas ao pleito. São eles os novatos Thiago Silva (MDB), Faissal Calil (PV) e o líder do Governo, Dilmar Dal Bosco (DEM). “Não tem deputado melhor ou pior! Nós temos condições mais favoráveis de alguns deputados e em detrimento a outros. E neste momento, não só na minha opinião, mas muitos deputados têm a opinião de que a indicação do colega Guilherme Maluf, mesmo que ele venha a provar sua inocência e tudo, traria um embaraço jurídico muito grande à nomeação do TCE”, avaliou.

A deputada afirmou ainda que a expectativa é que o restante dos deputados cheguem a um consenso ainda na tarde de hoje, tudo isso, segundo ela, para evitar polarização e constrangimento entre os parlamentares que terão de escolher entre um e outro colega. O prazo final decretado pela Mesa Diretora para a indicação dos postulantes ao cargo encerra-se na noite de hoje. A tendência é que até o final de semana a Assembleia finalize seu rito.

Leia mais:  Bope prende quatro suspeitos, apreende arsenal e frustra plano de resgate de presos

Por: LARISSA MALHEIROS E TARLEY CARVALHO/ Folhamax

Comentários Facebook
publicidade

Sem categoria

Suspeito de tráfico de drogas oferece suborno aos policiais para tentar ser liberado

Publicado

por

Policiais militares do 10º Batalhão prenderam na noite desta segunda-feira (29.06), um homem por tráfico de droga e tentativa de suborno, no bairro Porto, na capital.

Conforme o boletim de ocorrência, os policiais já estavam no encalço de um homem em uma motocicleta Yamaha XTZ 150 azul, que estaria vendendo droga na região.

Uma denúncia apontou que o denunciado estaria no estacionamento de um hipermercado. No local, o suspeito foi identificado e correu a pé ao ver a viatura, mas foi contido. Ele carregava uma porção de maconha, dinheiro e uma máquina de cartão.

Durante sua imobilização, o homem ofereceu aos militares R$ 5 mil para ser liberado. Disse que o dinheiro estaria na casa da sua namorada, no bairro Jardim Marajoara I, em Várzea Grande.

Os policiais foram até o imóvel apontado e encontraram a mulher descrita como namorada, mas nada de ilícito foi localizado.

Comentários Facebook
Leia mais:  Agências de viagens também podem ser acionadas em caso de cancelamento de voos
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana