conecte-se conosco


Educação

Concurso para professores em Cuiabá tem salários de até R$ 3,3 mil e 2.002 vagas

Publicado

Secretário municipal de Educação, Alex Vieira Passos, disse nesta terça-feira (09) que o anunciado concurso da educação é um dos maiores certames da história da educação municipal e o maior da administração Emanuel Pinheiro, com mais de 2 mil vagas abertas para vários níveis educacionais, a partir do ensino fundamental. “Podendo chegar aí até a  4 mil congratulados chamados ao final do certame”, continuou. Também disse que o processo envolve diversas secretarias.

Presente ao evento, o prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) disse que a tônica é a inserção social e racial e por isso a inscrição é gratuita nas segundas e terças-feiras, desde que se cadastre como hipossuficiente economicamente. As remunerações variam entre R$ 1.115,48 para o nível fundamental até R$ 3.319,20, para professor. Também há cargos de nível médio. São 2.002 vagas no total. (veja a tabela completa no fim da matéria).

A organização será do Instituto Selecon, que também fará o primeiro concurso da Secretaria de Assistência Social e Desenvolvimento Humano e realiza o processo seletivo de escolha de funcionários para o Hospital Municipal Leony Palma de Carvalho.

Das mais de 2mil vagas, 594 estão reservadas às cotas raciais e socioeconômicas. Dentro do universo total de cotistas, serão direcionados 20% destas, ou 398 postos de trabalho, para os negros, outros 20% aos índios e o restante, 196, vagas para deficientes. Assim, no total serão 1.408 vagas na ampla concorrência. “Representando o respeito peito às minorias e à igualdade social e à humanização, porque todos somos iguais e devemos ter as mesmas oportunidades”, disse o prefeito.

“São mais de 2 mil vagas, portanto, é um dos maiores da história da educação pública municipal. Há poucos dias assinei o primeiro concurso público da história da Assistência Social de Cuiabá”, completou o gestor.

SELETIVO DO HMC

O Instituto Selecon divulgou o número de inscritos no processo seletivo da Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá (MT) que vai contratar 1.248 profissionais para o Hospital Municipal Leony Palma de Carvalho. Ao todo, foram registradas 18.613 inscrições. Os candidatos devem ficar atentos às próximas etapas da seleção.

Leia mais:  Bolsonaro: União entre Executivo e Legislativo é chave para sucesso

Também foi divulgado o cronograma preliminar do concurso. A prova objetiva de Conhecimentos Gerais está prevista para o dia 14 de julho. A partir do dia 10 de julho, os candidatos já poderão consultar o Cartão de Confirmação de Inscrição (CCI) no site do Selecon. O prefeito falou ainda que a realização desses concursos é parte de seu compromisso de campanha.

CARGOS/VAGAS:

1. Professor do Ensino Fundamental: Pedagogia

AC – 280

Índios/Negros – 80 (20%)

PCD – 40 (10%)

TOTAL DE VAGAS – 400

2. Professor do Ensino Fundamenta: Artes

AC – 70

Índios/Negros 20 (20%)

PCD – 10

TOTAL DE VAGAS – 100

3. Professor do Ensino Fundamental: Educação Física

AC – 49

Índios/Negros – 14 (20%)

PCD – 07 (10%)

TOTAL DE VAGAS – 70

4. Professor do Ensino Fundamental: Letras/Língua Inglesa

AC – 14

Índios/Negros – 04 (20%)

PCD – 02 (10%)

TOTAL DE VAGAS – 20

5. Técnico em Desenvolvimento Infantil – TDI

AC – 650

Índios/Negros  (20%)– 186

PCD (10%) – 93

TOTAL DE VAGAS – 929

6. Técnico em Nutrição Escolar – TNE

AC – 70

Índios/Negros (20%) – 20

PCD  (10%) – 10

TOTAL DE VAGAS – 100

7. Técnico em Manutenção e Infraestrutura – Serviços Gerais (ASG)

AC – 126

Índios/Negros (20%) – 36

PCD (10%) – 18

TOTAL DE VAGAS – 180

8. Técnico em Manutenção e Infraestrutura – Motorista (CNH “D”)

AC – 09

Índios/Negros (20%) – 02

PCD (10%) – 01

TOTAL DE VAGAS – 12

9. Técnico em Administração Escolar – TAE

AC – 70

Índios/Negros (20%) – 20

PCD  (10%) – 10

TOTAL DE VAGAS – 100

10. Técnico em Multimeios Didáticos – TMD

AC – 35

Índios/Negros (20%) – 10

PCD (10%) – 05

TOTAL DE VAGAS – 50

11. Técnico Nível Superior: Bacharel em Direito

Leia mais:  Assembleia se antecipa para evitar situação de insegurança jurídica no Estado

AC – 05

Índios/Negros (20%) – 1

PCD (10%) – 0

TOTAL DE VAGAS – 06

12. Técnico Nível Superior: Psicólogo

AC – 05

Índios/Negros (20%) – 01

PCD (10%) – 0

TOTAL DE VAGAS – 06

13. Técnico Nível Superior: Fonoaudiólogo

AC – 03

Índios/Negros (20%) – 01

PCD – 0

TOTAL DE VAGAS – 04

14. Técnico Nível Superior: Tecnólogo em Gestão Pública

AC – 03

Índios/Negros (20%) – 01

PCD (10%) – 0

TOTAL DE VAGAS – 04

15. Técnico de Nível Superior: Administrador

AC – 02

Índios/Negros  (20%) – 0

PCD (10%) – 0

TOTAL DE VAGAS – 02

16. Técnico Nível Superior: Assistente Social

AC – 02

Índios/Negros (20%) – 0

PCD (10%) – 0

TOTAL DE VAGAS – 02

17. Técnico Nível Superior: Ciência da Computação

AC – 01

Índios/Negros (20%) – 0

PCD  (10%) – 0

TOTAL DE VAGAS – 01

18. Técnico Nível Superior: Nutricionista

AC – 01

Índios/Negros (20%) – 0

PCD (10%) – 0

19. Técnico Nível Superior: Contador

AC – 02

Índios/Negros (20%) – 0

PCD (10%) – 0

TOTAL DE VAGAS – 02

20. Técnico de Nível Superior: Engenheiro Civil

AC – 04

Índios/Negros (20%) – 01

PCD (10%) – 0

TOTAL DE VAGAS – 05

21. Técnico de Nível Superior: Engenheiro Eletricista

AC – 02

Índios/Negros (20%) – 0

PCD (10%) – 0

TOTAL DE VAGAS- 02

22. Técnico de Nível Superior: Engenheiro Sanitarista/Ambiental

AC – 02

Índios/Negros (20%) – 0

PCD (10%) – 0

TOTAL DE VAGAS – 02

23. Técnico de Nível Superior: Arquiteto

AC – 03

Índios/Negros (20%) – 01

PCD (10%) – O

TOTAL DE VAGAS – 04

TOTAL GERAL DE VAGAS – 

AC – 14.08

Índios/Negros (20%) – 398

PCD (10%) – 196

TOTAL GERAL DE VAGAS – 2002

LEGENDA:

AC = Vagas de Ampla Concorrência

PCD = Vagas reservadas às Pessoas com Deficiência.

Comentários Facebook
publicidade

Educação

Mendes é hostilizado por grevistas durante visita à Chapada

Publicado

por

O governador Mauro Mendes (DEM) foi hostilizado por profissionais da Educação – que estão em greve há mais de 50 dias – durante passagem por Chapada dos Guimarães (a 65 km de Cuiabá), na manhã desta sexta-feira (19).

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram o governador caminhando pela praça da cidade com a primeira-dama, Vírginia Mendes e o chefe da Casa Civil, Mauro Carvalho enquanto os profissionais gritam palavras de ordem.

“Você é um imoral. Os deputados fizeram uma proposta, mas você não aceitou. Você cortou o nosso salário e ainda quer dividir. Cadê o que você cortou da gente?”, disse um servidor usando um alto-falante, enquanto os demais gritavam que “a greve continua”.

O governador se mostrou bastante tranquilo durante o protesto e até sorriu em algumas ocasiões.

Mauro foi até Chapada fazer uma visita técnica aos pontos turísticos da cidade. O Governo estuda a viabilidade da execução de projetos que fomentem o turismo e o desenvolvimento local.

A greve

Os servidores da Educação estão parados desde o dia 27 de maio e exigem, entre outras coisas, o pagamento da Revisão Geral Anual (RGA) e o cumprimento da lei da dobra salarial (aprovada em 2013), que dá direito a 7,69% a mais na remuneração, anualmente, durante 10 anos.

Leia mais:  Projeto estabelece diretrizes para atendimento nas comunidades terapêuticas de MT

No último dia 10 de julho, a Assembleia Legislativa apresentou uma proposta ao Governo para pagar os 7,69% dividido em três parcelas.

A primeira seria de 2,6% a ser paga na folha salarial de agosto;  a segunda (2,6%) entraria na folha de novembro e a última (2,49%) em fevereiro do ano que vem.

O Governo, no entanto, não acatou a proposta alegando estouro da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) que estabelece o limite máximo de gastos com folha salarial em 49%. Mato Grosso já atinge 58,55%.

Outro lado 

A assesoria de imprensa do Governo do Estado informou que o governador Mauro Mendes não irá se manifestar sobre o episódio.

Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana