conecte-se conosco


Mato Grosso

‘Com população sem recursos, consumo de carne de frango aumenta’

Publicado

Analista diz que a procura pela proteína mais acessível é esperada ao longo de todo o ano devido a lenta recuperação econômica.

A descapitalização do consumidor, devido aos efeitos da pandemia e aumento de restrições tem resultado em um consumo maior de carne de frango. Já no mercado do boi gordo, as cotações se mantém em alta por conta das exportações para China.

Para o analista de mercado da Safras & Mercado Fernando Iglesias, o consumo de carne durante o período da Páscoa não sofre grandes recuos como antes. “O consumo de carnes não é mais tão impactado como acontecia em décadas anteriores, durante a semana santa. Uma parcela da população, cada vez menor, adota o jejum como na tradição católica. Isso impacta menos na demanda por proteína animal”, explica Iglesias.

“O domingo de páscoa acabou se tornando inclusive pico de consumo de carne. Esse ano vai ser diferente pela necessidade de não poder aglomerar”, pontua. O analista ainda fala sobre a alta no consumo sobre a carne de frango. “O consumidor está descapitalizado, consequentemente a carne de frango se torna a mais acessível dentre as proteínas de origem animal. Esse movimento é esperado ao longo de todo o ano de 2021, um ano de lenta recuperação econômica”, conclui.

Comentários Facebook
Leia mais:  Detran lança último leilão do ano e oferta mais de mil veículos
publicidade

Mato Grosso

Servidor é preso por roubar pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras

Publicado

Foram desviados pelo menos 12 pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 35 mil.

Um servidor público suspeito de desviar pneus de veículos da prefeitura de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, prestou esclarecimentos na delegacia do município. Segundo a Polícia Civil, ele deve responder pelo crime de peculato.

As investigações começaram no dia 22 de março, quando o prefeito Adilson Gonçalves de Macedo registrou um boletim de ocorrência denunciando o suposto desvio.

O delegado Wilyney Santana Borges disse que várias buscas foram realizadas, até que o suspeito acabou confessando o crime. Em depoimento, ele contou que os pneus foram repassados para um comerciante como parte do pagamento na aquisição de um carro dele de luxo.

Os pneus desviados eram de veículos da Secretaria Municipal de Urbanismo.

De acordo com a polícia, nas investigações, foi apurado que pneus adquiridos para serem utilizados nas automóveis da secretaria foram desviados nos meses de novembro e dezembro de 2020, por um servidor  que exercia funções no setor de frotas da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

Leia mais:  Em coletiva, secretário estadual de Saúde anuncia nova gestora do Hospital Regional de Rondonópolis

Segundo o delegado, os indícios apontados no inquérito indicam que foi possível constatar o desvio de pelo menos 12 pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 35 mil.

A Polícia Civil informou que o investigado pela venda dos pneus deverá responder ação penal pelo crime de peculato, vez que na época dos desvios, exercia o cargo de funcionário público. Já o comerciante que recebeu os pneus desviados, em troca de pagamento, responderá pelo crime de receptação.

A delegacia de Barra do Garças continua as investigações para saber se havia a conivência ou participação de outros servidores municipais, envolvidos no caso dos pneus desviados.

Por G1 MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana