conecte-se conosco


Polícia

Casal é preso com 40 quilos de drogas em Rondonópolis

Publicado

Um casal foi preso em Rondonópolis (212 km ao Sul) com cerca de 40 quilos de drogas. O flagrante foi realizado na quinta-feira (09) pela Delegacia Especializada de Rondonópolis. Os suspeitos, José Carlos Resende da Silva, 27 anos, e Ângela Correia dos Santos, 36 anos, foram autuados em flagrante por tráfico e associação para o tráfico de drogas.
A apreensão foi realizada após averiguação de denúncia anônima recebida na Delegacia. Na checagem foram encontrados, em uma residência no bairro Jardim Buriti, 37 tabletes de maconha e cerca de 4 quilos de pasta base em vários pedaços prontos para o comércio. No quintal da casa foi apreendido um veículo Pálio com registro de roubo em
Informações apuradas pelos investigadores da Especializada apontam que José Carlos, conhecido por Foguinho, é membro de uma facção criminosa e teria deixado a Penitenciária Major Eldo Sá Correia (Mata Grande) recentemente. Ele cumpria pena pelo crime de roubo.
Conforme a apuração,  o veículo apreendido era usado no abastecimento de drogas nas bocas de fumo de bairros da localidade. Tanto que no monitoramento, os policiais confirmaram quando ele entrou no veículo carregando um tablete de droga dentro de uma sacola. A mulher também foi avistada saindo da mesma residência.
Na abordagem, os policiais apreenderam o tablete de droga embaixo do banco do motorista, além de pedaços de pasta base. O restante da droga foi encontrada dentro da casa, sendo uma parte no banheiro e outra quantidade no chão do quarto do casal, ao lado da cama, onde também havia uma balança e um caderno de anotações da contabilidade do tráfico de drogas.
Na ação ainda foram apreendidos R$ 483 reais. Os dois foram levados a delegacia autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico. Eles foram apresentados em audiência de custódia.

Leia mais:  Organização criminosa de golpes pela internet é alvo de operação das Polícias do ES e MT

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Polícia Civil prende dois por roubo à condomínio na Capital

Publicado

por

Assessoria PJC|MT

Três pessoas, entre elas uma adolescente, foram presas na sexta-feira (14.06), durante investigação da Polícia Judiciária Civil, por meio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Cuiabá (Derf) para apurar um roubo. As prisões e apreensão ocorreram pouco tempo após o crime.
 
Os suspeitos, Eduardo Silva do Espírito Santo e Fábio de Souza Campos, foram autuados em flagrante pelo crime roubo. A adolescente, N.A.S.F. responderá Boletim Circunstanciado de Ocorrência pelo crime análogo a uso de documento falso.

Os policiais civis da Derf-Cuiabá foram acionados para apurar um roubo cometido em um condomínio residencial. Na ocasião, três indivíduos renderam o segurança e subtraíram diversos objetos de funcionários e moradores. No momento do assalto, os suspeitos foram bastante violentos, bem como agrediram fortemente uma das vítimas, além de utilizarem de grave ameaça com emprego de arma de fogo.

Ato contínuo, os investigadores iniciaram diligências para apurar o roubo. Na manhã de sexta-feira (14), lograram êxito em identificar e localizar  Lucas Eduardo Silva do Espírito Santo e Fábio de Souza Campos, no bairro Osmar Cabral, em Cuiabá. Ao serem detidos ambos confessaram o crime. Os policiais civis também recuperaram alguns objetos das vítimas que estavam na residência dos suspeitos.

Leia mais:  Organização criminosa de golpes pela internet é alvo de operação das Polícias do ES e MT

Quando os investigadores chegaram a casa de Lucas, abordaram a menor N.A.S.F. no endereço, a qual apresentou documento de identificação falso. Diante dos fatos, ela também foi conduzida à Derf de Cuiabá.

Os envolvidos foram interrogados e autuados em flagrante. Posteriormente foram colocados à disposição da Justiça.

As investigações continuam para identificar outros possíveis delitos cometidos pela dupla.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana