conecte-se conosco


Polícia

Campanha Natal Solidário PJC entrega doações na Pastoral para Migrantes de Cuiabá

Publicado

Assessoria | PJC-MT
 

Fechando com chave de ouro a segunda fase da campanha Natal Solidário 2018, a Polícia Judiciária Civil entregou, na tarde desta terça-feira (18.12), mais de 206 quilos de roupas e calçados, ao Centro de Pastoral para Migrantes em Cuiabá.

Além das peças adulto e infantil, a segunda etapa da campanha arrecadou 57 brinquedos e diversos produtos de higiene pessoal como absorvente intimo, fralda descartável, óleo corporal, shampoo, condicionador, cremes dentais, sabonetes, desodorantes, entre outros itens, doados pelos servidores da PJC.

O Centro de Pastoral para Migrantes é uma instituição que atende de forma rotativa homens, mulheres, crianças e idosos, vindos do Haiti, Venezuela e Cuba. Quando chegam ao Estado de Mato Grosso, os estrangeiros recebem abrigo até 45 dias, período para que possam conseguir emprego e moradia.
 

Conforme a analista de desenvolvimento econômico-social da Polícia Civil, Selma Santiago da Costa, o Centro de Pastoral para Migrantes foi escolhido para ser beneficiado na segunda etapa da campanha, por se tratar de uma instituição bastante necessitada e que ainda recebe poucos recursos.

“Nessa época do ano surgem diferentes ações sociais para ajudar pessoas carentes, sendo algumas entidades muito favorecidas e outras menos. Então resolvemos oferecer essa doação para um lugar que atende e acolhe grande número de pessoas”, destacou a servidora.

Leia mais:  DERRFVA cumpre mandado de prisão contra condenado por homicídio

Durante a entrega dos donativos, a coordenadora do Centro de Pastoral para Migrantes, Eliana Aparecida Vitalino, enalteceu a iniciativa e parceria do trabalho de cunho social da Polícia Civil. “É com grande satisfação que recebemos os presentes e as colaborações, que são fundamentais e extremamente importantes para as famílias imigrantes que aqui estão”.

A campanha “Natal Solidário 2018” foi idealizada e promovida pela equipe da Gerência de Aplicação, Desenvolvimento, Saúde e Segurança (Gadss), inserida na Coordenadoria de Gestão de Pessoas (RH) da Polícia Civil.
 

 

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

PRF apreende 37.000 kg de adubo ilegal em Rondonópolis/MT

Publicado

Fiscais do MAPA colaboraram com a ocorrência

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), com apoio de uma equipe do Ministério da Agricultura Planejamento e Abastecimento (MAPA), apreendeu uma carga de adubo sendo comercializada ilegalmente, em Rondonópolis.

Na manhã desta quinta-feira (17), a equipe PRF abordou o caminhão Scania/G 420 A4X2, de cor vermelha e placas de Rondonópolis, ao qual estavam acoplados dois semirreboques. O veículo foi abordado após o condutor, de 38 anos, efetuar um retorno proibido, no Km 208, da BR-364.

O condutor apresentou a documentação da carga, que segundo a Nota Fiscal, seria de varredura de adubo. Ao verificar a carga, os PRFs desconfiaram que a carga transportada não seria a descrita na documentação fiscal. A carga nos semirreboques estava acondicionada em bags e aparentemente não estava contaminada. Varredura de adubo apresenta contaminação por diversas substâncias e geralmente é transportada a granel.

O veículo foi conduzido até a Unidade Operacional da PRF, onde se encontravam os fiscais do MAPA que recolheram uma amostra do produto para análise. Através de consulta aos sistemas, foi constatado que a empresa que estava vendendo a mercadoria não possui registro de estabelecimento produtor, portanto não pode comercializar esse tipo de produto.

Leia mais:  Policiais civis cumprem buscas e prendem suspeito por tráfico no bairro Bela Vista

Diante das circunstâncias, a ocorrência foi encaminhada para Polícia Civil, em Rondonópolis.

SECOM PRF MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana