conecte-se conosco


Entretenimento

Bruna Marquezine relembra folia: “Seja piranha, não seja sonsa”

Publicado

Bruna Marquezine usou seu Instagram na madrugada desta sexta-feira (15) para publicar uma lembrança do Carnaval deste ano. Entre os vários cliques, a morena postou uma foto com um recado bem ousado.

Leia também: Marquezine fala de Marina Ruy Barbosa: “tentamos ser amigas, mas não deu certo”


Bruna Marquezine
Reprodução/Instagram

Bruna Marquezine


“Seja piranha, não seja sonsa”, eram os dizeres de uma camiseta, estampada em uma foto que Bruna Marquezine segurava, mas que, posteriormente, acabou apagando das redes. Em outras fotos, a atriz aparece ao lado de vários amigos, como as tops Izabel Goulart e Candice Swanepoel, e a apresentadora Sabrina Sato.

Recentemente, a estrela recebeu inúmeros ataques na internet, por conta de polêmicas envolvendo o suposto Surubão de Noronha. Tudo começou com o fim do casamento de José Loreto e Débora Nascimento, por conta de uma traição por parte do ator. Então, rumores apontaram para Marina Ruy Barbosa como suposto pivô da separação dos dois.

Leia também: Instagram desativado afeta plano de Bruna Marquezine virar It girl internacional

Leia mais:  Sereia! Deborah Secco posa sensual com biquíni transparente debaixo d’água

Bruna Marquezine manda recado ousado
Reprodução/Twitter

Bruna Marquezine manda recado ousado


Na época, várias atrizes deixaram de seguir a ruiva no Instagram e, entre elas, a própria Bruna. Foi aí que o grande alvoroço começou. Nesta semana, a eterna Salete, de “Mulheres Apaixonadas”, esclareceu toda a situação.

“Nunca vou entender como pessoas que fazem tantas fofocas, que inventam tantas mentiras, fazem tantas críticas destrutivas e irresponsáveis ao próximo e vibram tanta negatividade conseguem viver felizes e dormir bem”, declarou em um desabafo no Twitter.

Então, a jovem foi questionada sobre a suposta inimizade com Marina Ruy Barbosa e respondeu. “Entendo que algumas pessoas podem ter feito uma leitura equivocada e um tanto cruel de um simples unfollow, inclusive a própria Marina, por isso me desculpei com ela caso ela tenha entendido como um ataque ou julgamento”. E não parou por aí!

Leia também: Irmã de Neymar comenta polêmica envolvendo jogador, Bruna Marquezine e Anitta


Bruna Marquezine e Izabel Goulart
Reprodução/Instagram

Bruna Marquezine e Izabel Goulart


“É bem chato ter que explicar isso pra pessoas que não conheço e que certamente não se importam verdadeiramente e só querem causar e apontar dedos, mas eu e Marina Ruy Barbosa não somos amigas por falta de identificação, tentamos e não deu certo e tudo bem. Vocês não sabem de muita coisa”, esclareceu.

Leia mais:  Mayra Cardi abandona as redes sociais e marca se pronuncia após polêmica

Nos últimos dias, Neymar saiu em defesa da ex-namorada nas redes sociais. “Sou fã dela como atriz e como mulher, o que tivemos não deu certo por alguns motivos e isso ninguém tem que se meter. Agora tem que RESPEITAR, sim, quem ela é como atriz! Mas, fique tranquila, Bru, só buscam falar besteira de quem tem LUZ. E você tem demais. Carinho e respeito sempre terei e te defenderei, porque EU SEI QUEM VOCÊ É”, escreveu o craque.

Durante o Carnaval, o Neymar foi visto aos beijos com Anitta, no mesmo camarote em que Bruna Marquezine estava. Então, os internautas saíram em defesa da atriz na ocasião.

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
publicidade

Entretenimento

Durante agradecimento, brasileiro vencedor em Cannes discursa sobre política

Publicado

por

“A vida invisível de Eurídice Gusmão”, de Karim Aïnouz, venceu o prêmio de melhor filme na mostra Um Certo Olhar do Festival de Cannes nesta sexta (24). Durante o dicurso de agradecimento, o diretor do filime criticou o momento político do Brasil.

Leia também: De obra prima a desleixado, novo filme de Tarantino divide opiniões em Cannes


Filme sobre mulheres vítimas do patriarcado é aplaudido no Festival de Cannes
Divulgação

Filme sobre mulheres vítimas do patriarcado é aplaudido no Festival de Cannes


Leia também: Com espartilho apertado, Elle Fanning desmaia no Festival de Cannes

“Estamos passando por um momento de intolerância muito grande no Brasil. As ameaças contra a educação, a criativaidade e a cultura são gigantescas. Quero dedicar o prêmio à vivacidade e às atrizes do meu filme, que estão aqui”, afirmou o diretor , durante seu discurso no Festival de Cannes , referindo-se a Carol Duarte e Julia Stockler, que interpretam as duas irmãs protagonistas de “ A vida invisível de Eurídice Gusmão ”.

Leia também: Novo filme de Karim Aïnouz vence mostra Um Certo Olhar em Cannes

“Tenho muito orgulho de representar o Brasil hoje. Também temos que celebrar outros filmes brasileiros aqui no Festival de Cannes este ano”, completou o brasileiro referindo-se a outros títulos da seleção oficial, como “Bacurau”, de Kleber Mendonça Filho, a coprodução “O traidor”, de Marco Bellochio, que competem pela Palma de Ouro, e “Sem seu sangue”, de Alice Furtado, na mostra paralela Quinzena dos Realizadores.

Leia mais:  Sereia! Deborah Secco posa sensual com biquíni transparente debaixo d’água

Fonte: IG Delas
Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana