conecte-se conosco


Polícia

Autor de violência doméstica é preso com armas e munições em Rondonópolis

Publicado

Assessoria | PJC-MT

Um homem acusado de violência doméstica foi preso em flagrante, em ação realizada pela Polícia Judiciária Civil na noite de terça-feira (12.03), na zona rural de Rondonópolis (212 km ao Sul). As diligências, que resultaram na apreensão de duas armas de fogo e munições, iniciaram após denúncia da própria vítima de violência doméstica.

Valdeci Pedro Ferreira, 43, foi autuado pelos crimes de ameaça e posse irregular de arma de fogo de uso permitido, na ação realizada pela Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DDM) com apoio do Grupo Armado de Resposta Rápida (Garra) de Rondonópolis.

O suspeito foi surpreendido pelos policiais civis em uma propriedade agrícola, na Gleba Rio Vermelho, em poder de um revólver, uma espingarda e várias munições de diferentes calibres.

A prisão do suspeito ocorreu após a DDM receber denúncia de que ele praticava os crimes de ameaça e lesão corporal, contra uma jovem de 22 anos, com quem convivia há cerca de 11 meses, no sítio na Gleba Vermelha. De acordo com as informações, a vítima era sempre espancada pelo companheiro.

Leia mais:  Deletran indicia por homicídio doloso motorista de veículo que causou a morte de duas pessoas por andar na contra-mão

No domingo (10.03), o suspeito saiu para trabalhar e trancou com cadeado a porteira do sítio onde moram, deixando a vítima presa no local, porém a vítima conseguiu escapar e fugir. Depois do ocorrido, o suspeito até a casa de um parente da vítima e ofendeu e fez ameaças contra toda família.

Com medo do ex-companheiro muito agressivo, a vítima procurou a Polícia Civil para pedir apoio para buscar seus pertences pessoais na casa em que residia com o suspeito. No endereço, enquanto a vítima retirava seus pertences, os policiais encontraram um revólver calibre 32 com cinco munições, outras quatro munições intactas e uma aparentemente picotada. 

Em continuidade as diligências, as equipes aguardaram o suspeito na porteira do sítio, local em que foi realizada sua abordagem. Questionado, ele indicou o local onde guardava outra arma de fogo (espingarda calibre 28).

Diante do flagrante, Valdeci foi conduzido à delegacia, interrogado e preso pelos crimes de ameaça(no âmbito da Lei Maria da Penha) e posse irregular de arma de fogo de uso permitido.

 

 

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Polícia Civil prende suspeitos manipulando entorpecentes que seriam comercializados em Várzea Grande

Publicado

por

Assessoria | PJC-MT

 

Em mais uma ação de combate ao tráfico de drogas, a Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Entorpecentes (DRE), prendeu quatro pessoas que atuavam com o comércio de entorpecentes em Várzea Grande. Além da prisão dos suspeitos, a ação resultou na apreensão de porções de maconha e pasta base de cocaína e também de apetrechos relacionados ao tráfico.

A jovem Karina Letícia dos Santos, 19 e os suspeitos, Thiago da Silva Cruz,19, Altivan Calvario de Barros, 28, e Rafael Venicius Cruz Leite, 26, foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

As diligências iniciaram logo que os policiais da DRE receberam informações sobre uma residência no bairro Princesa do Sol, em Várzea Grande, em que pessoas estariam manipulando entorpecentes. Em monitoramento do endereço, os policiais constataram a veracidade da denúncia, sendo visualizado os quatro suspeitos na área dos fundos da casa.

Diante das evidências, os investigadores entraram na casa, onde foram apreendidas várias porções de pasta base de cocaína que eram manipuladas pelos suspeitos, além de diversos materiais para preparo do entorpecente, como ácido bórico, uma panela com farelos da substância, e talheres com resquícios da droga.

Leia mais:  Ossada de segunda mulher desaparecida em 2013 é localizada

Na área da casa, também foi encontrado balança de precisão e envelopes plásticos utilizados para embalar o entorpecente, sendo dado voz de prisão aos quatro suspeitos que estavam no local. Em continuidade as diligências, os policiais seguiram para outros endereços indicados pelos suspeitos, em que estariam guardadas outras porções de drogas.

Em uma distribuidora, no bairro Santa Luzia, de propriedade de Altivan, foi apreendido mais um pedaço de pasta base de cocaína, dinheiro e envelopes plásticos para embalar a droga e na residência de Rafael, no bairro Jardim Alá, Várzea Grande, foi realizada a apreensão de uma porção de maconha.

No final dos trabalhos, os suspeitos foram conduzidos a DRE, onde após serem interrogados pelo delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira, foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

 

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana