conecte-se conosco


Cidades

“Artéria dos Elementos” reinaugura Clube Feminino como espaço de exposições

Publicado

Deformado por contornos de arcos e curvas o vidro ladeia recortes de placas de metal e raízes contorcidas, delineando a proposta da Artéria dos Elementos, exposição do escultor Frede Fogaça. As peças estão dispostas no salão principal do Clube Feminino, que abriga a Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo, reinaugurando uma tradição do espaço, destinado à realização de eventos culturais e exposições. O coquetel de abertura acontece às 19h da sexta-feira (19) e a visitação, gratuita, se estende até o próximo mês.

Fogo, terra, água e ar inspiraram a produção abstrata a qual obedece à mostra, o estilo moderno se revela com mais força, dispensando interpretações rígidas. É por isso, que, segundo o artista, as obras não têm braço, perna ou cabeça. Exemplo explicitado pela carcaça de colchão de molas, que saiu do lixo e ganhou moldura para integrar o hall. A obra ainda não foi batizada e chama atenção por remeter a um portal no meio da grande sala.

“Quando peguei esse colchão pensei: o que eu faço com você?”, diz Frede. Processo semelhante aconteceu com a raiz de aroeira que se levanta sobre um pedestal de vidro. “Essa quase não tem interferência, já estava pronta. Quando a vi, imaginei aquelas cenas de desenho animado, quando várias coisas vão se juntando até se fundirem. Todo material pode ser transformado, nada é perdido, só depende do olhar.”

Leia mais:  Cinco toneladas de lixo foram retiradas das ruas da região central de Cuiabá

Há 20 anos no mercado, o artista conta que abandonou suas obrigações como empresário para se dedicar exclusivamente à arte. “Peguei todas as minhas profissões e direcionei para essa. Hoje eu vivo só disso, essas outras ocupações morreram, ficaram lá atrás.” A partir da renúncia, surgiram diferentes fases que contribuíram para que o trabalho chegasse ao que se vê agora, como a da sucata, do cimento e bronze.

Ao resultado soma-se o método produtivo, diretamente ligado ao uso de ferramentas, por vezes fabricadas por ele mesmo. Para o caso deste trabalho, especificamente, uma calandra chegou a ser erguida no galpão nos fundos de casa. É ela que permite a dobra e o corte do metal. “Eu sou fanático por ferramentas, porque sem elas você não faz nada. Tudo que eu vejo, eu quero comprar e quando não dá, eu mesmo faço.”

Frede também explica que há muito tentava realizar uma exposição, mas que o tempo vinha sendo consumido pelas obras feitas sob encomenda. Contemplado pelo edital do Conselho Municipal de Cultura em 2017, ele se viu então obrigado a dar uma pausa. “Graças a Deus eu não tenho parado de trabalhar, sempre tenho coisas para entregar. Com a aprovação do projeto, tive que fazer esse intervalo e produzir um pouco para mim mesmo.”

Leia mais:  Força-tarefa criada pela 1ª dama busca zerar a fila de mamografia do SUS

O titular da Secretaria de Cultura, Esporte e Turismo, Francisco Vuolo, lembra que foi o próprio artista que escolheu o local para a exposição, levando em consideração o tamanho das obras e o apreço pela história do Clube. De acordo com ele, o salão será decorado e estará aberto a visitação até o dia 19 de novembro, de 8h às 17h.

Vuolo também reforça a importância de receber o evento ali, uma vez que, antes de sediar a Pasta, o local costumava ser palco para esse tipo de iniciativa. Com os anos, contudo, o edifício passou por reformas e as mostras encontraram suporte por outros cantos da Capital, como Museu da Imagem e do Som (Misc). “Isso traz de volta e suas principais características desse prédio. É um excelente espaço que deve ser aproveitado para fomentar ao máximo as iniciativas culturais do município”, finaliza.

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  Regulamento 44º Jogos Estudantis

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  Mais 70 vagas abertas no Sine; confira

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana