conecte-se conosco


Esportes

Andy Murray revela dores no quadril e anuncia aposentadoria do tênis

Publicado


Andy Murray anunciou que vai terminar a carreira no tênis em 2019
FRANCISCO SECO/ASSOCIATED PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO

Andy Murray anunciou que vai terminar a carreira no tênis em 2019

Notícia chocante para os amantes do tênis. Andy Murray surpreendeu a todos durante encontro com a imprensa na véspera do primeiro Grand Slam do ano, o Aberto da Austrália. O britânico, de 31 anos, se emocionou ao anunciar que vai se aposentar das quadras em 2019.

Leia também: Série documental sobre Serena Williams estreia na HBO GO na próxima segunda

Andy Murray irá disputar a primeira eliminatória do “Open da Austrália” na próxima segunda-feira (14), quando enfrenta o espanhol Roberto Bautista Agut. Após a revelação bombástica durante a conferência com a imprensa, que durou menos de 10 minutos, este poderá ser o último jogo da carreira do tenista.

“Eu não me sinto bem. Tenho lutado por muito tempo e sentido muitas dores nos últimos 20 meses. Fiz praticamente tudo que podia parar melhorar o meu quadril, e isso não ajudou muito”, disse Andy Murray em lágrimas.

Leia também: Aos 23 anos, Kyrgios diz que se aposenta do tênis se vencer o Australian Open

Leia mais:  Lutador de wrestling é atingido por bloco de concreto durante luta no México

O tenista afirmou ainda que “Wimbledon é o local onde gostaria de parar de jogar, mas não tenho certeza se vou conseguir. Não sei se consigo jogar com dores por mais quatro ou cinco meses”, desabafou.

Em 2018, devido à cirurgia no quadril, Murray disputou apenas 12 partidas. O atleta fio operado pelo cirurgião australiano John O’Donnell, que não foi otimista em relação a uma recuperação total. O tenista será submetido a uma cirurgia mais complicada, mas com o objetivo apenas de melhorar sua qualidade de vida.

Leia também: ATP Finals: último torneio de tênis do ano terá homenagem a Gustavo Kuerten

Em 2008, o tenista brasileiro Gustavo Kuerten (Guga), também aos 31 anos, realizou sua última partida profissional, pois assim como Andy Murray , já não resistia mais às dores no quadril.

Guga passou por três cirurgias no local sem uma solução para sua lesão. Após mais de uma década, a medicina esportiva evoluiu, com relação às intervenções no quadril, melhorando as chances de recuperação dos atletas, contudo, até hoje ninguém voltou dela.

Leia mais:  Seguindo a La Liga, Juventus considera realizar jogos da Série A fora da Itália

Comentários Facebook
publicidade

Esportes

Fernando Diniz fala sobre chegada de Ganso no Flu: “Ele está animado para vir”

Publicado

por


Ganso aguarda acerto entre Fluminense e Sevilla
Divulgação

Ganso aguarda acerto entre Fluminense e Sevilla

A vinda de Paulo Henrique Ganso para o Fluminense já virou uma novela, e enquanto o clube carioca não se acerta com o Sevilla, detentor dos direitos do atleta, a expectiva pela chegada do meia nas Laranjeiras só aumenta.

Leia também: “The Worst”: Ganso entra para seleção dos piores jogadores da temporada

Durante a festa de lançamento do Campeonato Estadual do Rio de Janeiro, que aconteceu no Maracanã, o técnico Fernando Diniz falou sobre como conheceu Ganso e revelou que o jogador está animado para vir ao clube.

“A expectativa é muito boa. Essa história começou com relação que eu tive com o Ganso, quando eu estava no Audax e a gente jogou contra. Falei com ele já. Ele está animado para vir. Mas têm coisas que escapam de mim e ao próprio Fluminense . Têm outras pessoas envolvidas, mas se ele puder vir, será um reforço de muito peso”, afirmou o treinador do tricolor carioca.

Leia também: Buffon cita o Flamengo em entrevista e revela: “Meus filhos são Fluminense”

Leia mais:  Seguindo a La Liga, Juventus considera realizar jogos da Série A fora da Itália

Fernando Diniz na época em que dirigiu o Audax
Flickr oficial

Fernando Diniz na época em que dirigiu o Audax

“Eu estou antenado a tudo nessa história. Não tem prazo definido. Não depende do Fluminense, tem interesse mútuo, tanto do Ganso quanto do Fluminense. Mas a gente depende de outras pessoas para que isso possa se concretizar”, completou Diniz.

Para finalizar, o treinador rasgou elogios ao meia, a quem considera uma das maiores revelações recentes do futebol brasileiro, e afirmou que pretende recuperar seu bom rendimento dando a ele uma sequência de jogos.

Leia também: Sampaoli diz que não sabia dos problemas financeiros do Santos e exige reforços

“O Ganso é um dos maiores talentos que futebol produziu nos últimos anos. O que falta a ele é dar continuidade, jogar uma certa constância, e acredito que no Fluminense a gente vai conseguir oferecer isso a ele, é o nosso plano, caso a gente consiga trazê-lo”, conclui o técnico Fernando Diniz.


Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana