conecte-se conosco


Mato Grosso

Alunos do Proerd ganham dia de lazer e cultura em shopping da capital

Publicado

Um grupo de 82 crianças, alunos da rede municipal de ensino que fizeram o curso do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas) da Polícia Militar no primeiro semestre deste ano ganharam ‘Um dia de Shopping’.

Neste sábado (20.10), elas foram recebidas no cinema do Shopping Três Américas, com direito a pipoca, refrigerante e atividades culturais. A programação faz parte das homenagens do mês de outubro, quando se comemora o Dia das Crianças (12.10) e a classificação na redação final do curso de prevenção às drogas e violência.

Dois estudantes de cada turma que obtiveram as melhores notas foram selecionados para esse dia de lazer. Essa é uma iniciativa da Coordenação Estadual do Proerd na Polícia Militar com o Shopping Três Américas.

Ações no Estado

Em Mato Grosso, desde sua implantação, no ano de 2000, até O 1º semestre deste ano o Proerd formou mais de 311 mil crianças, adolescentes e pais no curso de resistências às drogas e violência.   

Com o objetivo ampliar ainda mais o número de atendidos, o Proerd/PMMT seleciona policiais em comandos regionais do interior para capacitação para que depois possam atuar como instrutores de alunos nas escolas.

Leia mais:  Motoristas devem pagar Seguro DPVAT para efetivar a emissão do licenciamento veicular anual

Aos alunos que fazem o curso, é oferecido material didático de apoio, como o ‘livro do estudante’, cujo conteúdo trata de questões relacionadas às drogas, noções de cidadania, técnica de resistência às pressões dos colegas e da mídia para o uso de drogas, de autocontrole para se afastar da violência, maneira de se lidar com o estresse, promoção da auto-estima, tomada de decisão responsável, resistência ao bullying e valorização à vida.

O conteúdo curricular do Proerd proporciona um trabalho cooperativo entre a Escola e a Família (em palestra voltada à equipe gestora e pais) que se concentra em fornecer informações relevantes sobre drogas, violência e aptidões de como orientar, técnicas de resistência, resolução de conflitos, estratégias para o fortalecimento do vinculo familiar, fatores de proteção e de risco, habilidades de supervisão adulta sobre os filhos, comunicação eficiente. Durante o curso poderão criar um ambiente positivo, que beneficiará a boa saúde e o bem-estar.  

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Servidor é preso por roubar pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras

Publicado

Foram desviados pelo menos 12 pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 35 mil.

Um servidor público suspeito de desviar pneus de veículos da prefeitura de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, prestou esclarecimentos na delegacia do município. Segundo a Polícia Civil, ele deve responder pelo crime de peculato.

As investigações começaram no dia 22 de março, quando o prefeito Adilson Gonçalves de Macedo registrou um boletim de ocorrência denunciando o suposto desvio.

O delegado Wilyney Santana Borges disse que várias buscas foram realizadas, até que o suspeito acabou confessando o crime. Em depoimento, ele contou que os pneus foram repassados para um comerciante como parte do pagamento na aquisição de um carro dele de luxo.

Os pneus desviados eram de veículos da Secretaria Municipal de Urbanismo.

De acordo com a polícia, nas investigações, foi apurado que pneus adquiridos para serem utilizados nas automóveis da secretaria foram desviados nos meses de novembro e dezembro de 2020, por um servidor  que exercia funções no setor de frotas da Secretaria Municipal do Meio Ambiente.

Leia mais:  Mato Grosso disponibiliza 971 vagas de emprego

Segundo o delegado, os indícios apontados no inquérito indicam que foi possível constatar o desvio de pelo menos 12 pneus novos utilizados em caminhões e retroescavadeiras, causando um prejuízo de aproximadamente R$ 35 mil.

A Polícia Civil informou que o investigado pela venda dos pneus deverá responder ação penal pelo crime de peculato, vez que na época dos desvios, exercia o cargo de funcionário público. Já o comerciante que recebeu os pneus desviados, em troca de pagamento, responderá pelo crime de receptação.

A delegacia de Barra do Garças continua as investigações para saber se havia a conivência ou participação de outros servidores municipais, envolvidos no caso dos pneus desviados.

Por G1 MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana