conecte-se conosco


Política

Alunos do CPC comemoram resultados do Enem e são homenageados

Publicado

Alunos do CPC comemoram resultados do Enem e são homenageados

Mais de 150 alunos do curso comunitário ingressaram em faculdades públicas, até o momento, e sãos homenageados pela Câmara Municipal de Cuiabá
Na semana em que todo país acompanhou com muita tristeza a tragédia de Suzano, os alunos do Curso Preparatório Comunitário – Wantuil José Carvalho Silva (CPC), foram homenageados. Mais de 150 deles receberam Moção de Aplausos, estudantes estes oriundos de colégios públicos, moradores de áreas mais simples da cidade, garantiram suas vagas em várias universidades públicas.
Uma delas é Rayssa Santiago, de 20 anos,moradora do Despraiado e agora acadêmica de Direito na Unemat, em Cáceres. “Nunca estudei em uma escola particular e o único Curso Preparatório para enfrentar o Enem que participei foi o CPC, quero agradecer ao Professor Mário Nadaf, ao Professor Pardal e todos que se empenharam em nos oportunizar com este Curso”, ressaltou a caloura.
Assim como Rayssa, centenas de alunos, que se prepararam com o apoio do CPC estão com suas vagas garantidas em dezenas de faculdades.
O Curso Preparatório Comunitário foi criado por intermédio da Secretaria de Gestão e da Secretaria de Inovação e Comunicação inspirado em um modelo híbrido que trará um sistema inovador para o estudante aliado a um grupo de professores experientes, que utilizam uma metodologia de ensino baseada nas quatro áreas do conhecimento, Ciências da Natureza, Ciências de Matemática, Códigos de Linguagem e Ciências Humanas e Suas Tecnologias
O curso foi instalado em 7 polos na capital, atendendo cada região e chegou há 2 mil inscritos. O projeto foi uma ideia do professor Wantuil José Carvalho ( In memória), que ainda durante o período de campanha do Prefeito Emanuel Pinheiro externou o desejo de realiza-lo. Wantuil , acometido por um câncer , faleceu antes de ver o sonho concretizado, para colocar a ação em andamento o Prefeito contou com o apoio do coordenador do Curso Preparatório Comunitário- professor Claudio Taques (Pardal), do Professor e Vereador Mário Nadaf (PV) e de seus secretariados.
“ Chegamos há 2 mil estudantes, ultrapassamos o quantitativo programado, a cada um chegava , imaginava que poderia ser meu filho, o ensino é de qualidade , em salas climatizadas , tudo feito com muita técnica e carinho’, disse Emanuel.
O professor Pardal reforçou. “ São os mesmos professores dos melhores cursinhos que aprovam para medicina, direito, engenharia, e outros vários cursos. Todos estarão colocando em prática uma mesma metodologia ”, afirma.
Emocionado o Professor Mário Nadaf disse estar lisonjeado em mais uma vez participar de um projeto como este, ele entende que desta forma está oportunizando a população ao desenvolvimento intelectual, profissional de real mudança de vida, foi ele que apresentou na Câmara Municipal de Cuiabá o pedido de Moção de Aplausos para os alunos aprovados.
“ Já vejo aqui advogados, engenheiros ambientalistas , graças há um estudos de qualidade , jovens que não teriam a oportunidade de frequentar um curso preparatório particular , estão tendo uma chance, isso é agir com igualdade aos iguais”, pontuou o professor.
O vereador Lilo Pinheiro (PRP), também participou da cerimônia e parabenizou os alunos e a gestão municipal.
Do gabinete
Imprimir Voltar Compartilhar:

Fonte: Câmara de Cuiabá
Comentários Facebook
Leia mais:  MT Mamma comemora 10 anos de fundação com programação no mês de março
publicidade

Política

Projeto de Lei declara a Associação Paz e Bem como de Utilidade Pública

Publicado

por

Foi apresentado na Câmara de Vereadores de Cuiabá um Projeto de Lei que declara de Utilidade Pública a Associação Paz e Bem, entidade civil de defesa de direitos sociais, sem fins lucrativos e com caráter exclusivamente beneficente, assistencial, educacional, cultura, ambiental e filantrópica. A proposta é de autoria do vereador Delegado Marcos Veloso (PV).
Fundada em 13 de julho de 2017, a Associação Paz e Bem foi constituída em razão da observação da necessidade de se promover uma sustentabilidade ao Meio Ambiente. Realizando ações que, ao mesmo tempo em que se conscientizasse e impulsionasse a população a aderir ao projeto, também faz com que ela contribua para a arrecadação de fundos a fim de suprir determinadas necessidades da população carente da Capital.
“O título de Utilidade Pública é condição necessária para que a Associação Paz e Bem, amplie suas parcerias e seu rol de apoiadores, garantindo assim maior pujança em sua atuação”, ressaltou o presidente da Associação Paz e Bem, o advogado Fábio Rosa Neves Pacheco.
A Associação Paz e Bem tem formado parcerias espontâneas com a sociedade civil, empresas, instituições públicas e privadas, na consecução de objetos e materiais recicláveis (latinhas, papelões, plásticos, óleo de cozinha usado, papéis, etc) que são vendidos e revertida na compra de cadeiras de rodas, muletas, cadeiras de banho e andadores.
Todos esses produtos são doados àquelas pessoas com baixíssimo poder aquisitivo e necessitadas desses instrumentos para melhorarem o padrão de vida. Além disso, a Associação Paz e Bem também recebe móveis e utensílios usados, que também são doados à população mais necessitada.
“Essas ações tem repercutido positivamente no seio da sociedade cuiabana, cujos integrantes tem sido beneficiados com as ações solidárias e humanitárias da instituição que, graças ao apoio incondicional e adesão dos entes sociais e empresariais tem obtido condições de promover ajuda àqueles que dependem de uma doação dessa natureza, e que, para eles, fazem uma enorme diferença em seu modo de vida, no alcance de significativas melhorias no bem estar pessoal”, ressaltou Marcos Veloso.
Além disso, a Associação Paz e Bem se preocupa com o conceito de sustentabilidade e preservação ambiental, da limpeza de nossos rios e fontes naturais de água, com a despoluição da cidade e com a preservação das espécies. A coleta de materiais recicláveis, por exemplo, contribui com a retirada desses elementos poluidores e exerce importante papel na conscientização ambiental, contribuindo para o avanço de uma sociedade comprometida com esse posicionamento.
“Essas razões são suficientes para transformá-la numa instituição de Utilidade Pública, mesmo porque, suas ações já fazem parte do cotidiano das pessoas necessitadas, muitas das quais continuam no aguardo de uma doação que modifiquem sua vida e que a ajudem a viver com mais conforto e segurança, enfrentando com dignidade os males causados por algum tipo de enfermidade”, defendeu Marcos Veloso.

Bruno Garcia | Assessoria do Vereador Marcos Veloso

Leia mais:  Sala vip da ALMT recebe nome do radialista Roberto França Auad

Imprimir Voltar Compartilhar:  

Fonte: Câmara de Cuiabá
Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana