conecte-se conosco


Polícia

Adolescente é apreendido por envolvimento em homicídio de rapaz, que morreu por suposta vingança

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

Policiais civis de Sorriso cumpriram nesta quarta-feira (24.11) um mandado de apreensão contra um adolescente de 17 anos, que responde a um ato infracional análogo ao crime de homicídio.

Os mandados de apreensão e de buscas foram cumpridos no bairro Jardim Primavera, pela equipe da Divisão de Homicídios da Delegacia de Sorriso.

Durante as buscas domiciliares nesta quarta-feira, na residência do adolescente, os policiais conduziram à delegacia em flagrante, duas pessoas pelos crimes de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo.

Homicídio 

Conforme o delegado José Getúlio Daniel, a investigação apurou que o adolescente teria encomendado a morte de Lucas Eduardo de Gody Batista, 18 anos, ocorrida em novembro. A motivação seria uma vingança contra a vítima, porque o rapaz teria, supostamente, mantido um relacionamento com a namorada do adolescente.

Lucas Eduardo estava na frente de uma residência junto com outro rapaz, no Jardim Primavera, no dia 11 de novembro, quando duas pessoas chegaram em uma motocicleta. Um dos suspeitos desceu armado e mandou que os dois rapazes deitassem na calçada, anunciando um suposto assalto, e perguntou o nome das vítimas. Quando Lucas respondeu, foram feitos disparos em sua direção que atingiram a cabeça e costas. Na sequência, a dupla fugiu na motocicleta.

Leia mais:  Em Rondonópolis agente é preso ao arremessar celulares para detentos

O rapaz foi socorrido ao hospital regional de Sorriso pelo Corpo de Bombeiros, mas não sobreviveu aos ferimentos.

A apuração sobre o homicídio prossegue para identificar os outros envolvidos no homicídio. Ainda conforme o delegado José Getúlio, a apuração realizada até o momento apontam que a vítima não tinha relação com facção criminosa.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
publicidade

Polícia

Roubo de carga de carne de frigorífico é esclarecido e Polícia Civil cumpre mandados contra grupo investigado

Publicado


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT 

A Polícia Civil, por meio da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), cumpriu nesta segunda-feira (06.12) mandados judiciais contra quatro suspeitos envolvidos no roubo de um caminhão com uma carga de carne, de um frigorífico em Várzea Grande. Foram cumpridas duas prisões e quatro buscas e apreensão.

Conforme a investigação da GCCO, no dia 15 de setembro, quatro criminosos abordaram o motorista do caminhão e seu ajudante, no início da manhã, na estrada da Guarita, no bairro 23 de Setembro. Armados, os criminosos anunciaram o roubo e levaram consigo o caminhão com câmara fria, pertencente a um frigorífico, que estava carregado com mais de 3 toneladas de carne.

Como apoio da ação criminosa, os suspeitos utilizaram uma S10, de cor prata, modelo antigo. A vítima prestou declarações da GCCO, onde reconheceu três autores do crime, um deles menor de idade.

Na apuração para esclarecer o crime, a GCOO coletou depoimentos das vítimas e uma delas reconheceu três criminosos, um deles, um adolescente que estava armado e foi quem retirou uma das vítimas do caminhão.

Leia mais:  Força-tarefa prende ladrão de banco mais procurado de Mato Grosso

Um dos presos, E.R.S.J. era quem comandava toda a ação, dava ordens para o restante do grupo e amarrou as vítimas. Ele foi localizado e preso nesta segunda-feira, no centro de Várzea Grande. Outro investigado foi preso em um posto de combustível no Jardim Industriário, em Cuiabá.

Diante das provas reunidas no inquérito, o delegado Gustavo Belão representou pelas prisões preventivas dos suspeitos, bem como por buscas e apreensões nos endereços dos alvos, além de medidas cautelares cumpridas nesta segunda-feira.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana