conecte-se conosco


Política

Ações de prevenção ao suicídio são intensificadas

Publicado

Foto: ANGELO VARELA / ALMT

Com objetivo de promover o diálogo, prevenir e alertar a sociedade sobre o suicídio, o deputado estadual João Batista (Pros), intensificou suas ações parlamentares sobre o tema, na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT).

Entre as principais proposições apresentadas por João Batista no Parlamento, estão em destaque a indicação que visa instituir o Comitê Estadual de Promoção à Vida e Prevenção ao Suicídio e a Automutilação, além do projeto de Lei, que altera dispositivos da Lei n. 10.598, que institui o Plano Estadual de Combate ao Suicídio no Estado.

De acordo com o deputado, que preside a Comissão de Direitos Humanos, Cidadania e Amparo à Criança, ao Adolescente e ao Idoso, outra importante ação foi uma audiência pública solicitada na Casa de Leis, com o objetivo de discutir o tema.

“Apresentei na última semana, um requerimento para a realização de uma audiência pública, com o objetivo de aprofundar o debate sobre a criação do Comitê Estadual de Promoção à Vida e Prevenção ao Suicídio e a Automutilação, o evento acontecerá no dia 30 de setembro, às 9h, no auditório Licínio Monteiro, na ALMT”, conta João Batista.

Leia mais:  Câmara aprova mensagem do Executivo, em primeira votação

O parlamentar considera de extrema importância promover o debate sobre o tema e julga necessário trabalhar a forma como a sociedade enxerga os fatores que podem levar uma pessoa a cometer suicídio.

“Estamos no mês do setembro amarelo, na próxima terça-feira (10) é o dia mundial do combate ao suicídio. Estamos aproveitando a oportunidade, para chamar a sociedade para essa discussão e a Assembleia Legislativa é o espaço adequado para isso. A problemática do suicídio acaba aparecendo na mídia quando há algum caso de grande repercussão, mas as pessoas não veem os casos que acontecem rotineiramente. É necessário que se abra essa discussão”, propõe o deputado.

Segundo dados da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), são registrados cerca de 12 mil suicídios todos os anos no Brasil e mais de 1 milhão no mundo. Conforme a estatística, cerca de 96,8% dos casos acontecem entre os jovens. Alguns casos estão relacionados a depressão, seguida do transtorno bipolar e uso abusivo de substâncias ilícitas.

Comentários Facebook
publicidade

Mato Grosso

Prefeitura de Lucas do Rio Verde (MT) abre concurso com 55 vagas e salário de até R$ 7 mil

Publicado

por

Por G1 MT

A Prefeitura de Lucas do Rio Verde publicou, nessa quinta-feira (27), o edital de abertura do concurso público nº 01/2020 para vagas efetivas em diversos cargos. As inscrições serão realizadas do dia 13 de março de 2020 até o dia 1º de abril de 2020.

Clique aqui para ver o edital do concurso.

Ao todo, serão 55 vagas para contratação imediata em 13 cargos e ainda classificação para cadastro reserva. Os salários variam de R$ 1.919,89 a R$ 7.055,71.

Este é o segundo concurso público lançado. Em 2019, a prefeitura realizou concurso para contratação de um engenheiro, um advogado e 16 guardas municipais.

As inscrições do concurso público serão feitas exclusivamente pela internet, no site da banca organizadora.

As taxas custam R$ 60, R$ 80 e R$ 120 para os níveis fundamental incompleto, fundamental completo, médio/técnico e superior, respectivamente. A solicitação de isenção da taxa de inscrição seguirá os critérios dispostos no edital e deverá ser feita de 13 a 19 de março.

Leia mais:  Bolsonaro vai à Polônia neste ano

A seleção ocorre por meio de provas objetivas e práticas para os cargos de níveis fundamental incompleto, fundamental completo, médio e técnico. Já para os cargos de nível superior, além das provas objetivas, também haverá provas dissertativas e de títulos.

As provas objetivas são obrigatórias para todos os cargos e está agendada para o dia 3 de maio. As provas práticas, dissertativas e entrega de títulos estão previstas para dia 7 de junho.

Conforme o edital, a previsão é de que o resultado seja divulgado no dia 30 de junho de 2020.

Confira os cargos e vagas:

  • – Ajudante administrativo (40 horas) – 5 vagas + reserva – R$ 1.956,62
  • – Almoxarife (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.387,40
  • – Analista em tecnologia da informação (40 horas) – 2 vagas + reserva – R$ 5.612,39
  • – Auditor fiscal do município (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 7.055,71
  • – Fiscal de tributos (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.387,40
  • – Motorista de caminhão (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.319,44
  • – Motorista de transporte escolar (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.319,44
  • – Operador de máquinas (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.392,01
  • – Padeiro (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 1.919,89
  • – Professor de pedagogia (30 horas) – 40 vagas (38+2 PCD) + reserva – R$ 3.840,14
  • – Técnico administrativo educacional – área Monitoria (40 horas) – cadastro reserva – R$ 1.956,62
  • – Técnico administrativo educacional – área Secretaria (40 horas) – cadastro reserva – R$ 1.956,62
  • – Técnico agrícola (40 horas) – 1 vaga + reserva – R$ 2.855,69
Leia mais:  Emanuel Pinheiro Neto é eleito 3° vice-presidente da Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços

Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana