conecte-se conosco


Cidades

Abílio: filho de Gonzaguinha quer dinheiro

Publicado

O candidato a prefeito de Cuiabá, Abílio Júnior (Pode), rebateu o filho do cantor Gonzaguinha, Daniel Gonzaga, que entrará com processo contra ele por usar a música “E vamos à Luta” sem autorização em sua propaganda eleitoral. Segundo o vereador, “provavelmente o que ele está querendo é dinheiro”.

De acordo com o concorrente ao pleito municipal, se o problema é pagar o direito autoral, irá fazer isso e zombou dizendo que é um esquerdista que cedeu ao capitalismo. “Tá bom, se o problema é pagar para utilizar música, é um cara de esquerda reclamando sobre um direito capitalista”, disse ao  nesta quarta-feira (28).

Abílio ainda argumentou que o erro foi da produção que colocou a canção original ao invés de um paródia ou regravação. “Foi uma falha de quem estava editando nosso material de campanha, ao invés de colocar a paródia e colocou a original”.

Segundo o candidato, assim que viu retirou a versão oficial do ar. “O que eu posso fazer? A música entrou no ar um dia e ela foi tirada da nossa programação, foi colocada um música alternativa”, explicou.

Daniel Gonzaga em suas redes sociais disse que tentou entrar em contato com o partido e com o candidato, porém não obteve êxito. Abílio enfatizou que não teve contato algum com o artista. “Eu não tive contato com ele”.destaque

Leia mais:  Emanuel entrega leitos de enfermaria do HMC e ministro assina aporte de R$ 48 milhões para custeio

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  NOTA DE ESCLARECIMENTO – Suposta falta de anestesia no PS

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  Barra do Garças: 'rei do porco' visita cidade e sugere investir economicamente após encontro com advogado

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana