conecte-se conosco


Educação

A EMEB Escola Cívico Militar Maria Dimpina oferecerá 255 vagas para alunos novos

Publicado

As matrículas poderão ser feitas pelo portal Matrícula WEB, nos dias 9 e 10 de janeiro, pelo site da Prefeitura de Cuiabá

A EMEB Profª Maria Dimpina Lobo Duarte, localizada na Grande Coxipó,  funcionará já a partir do ano letivo 2020, dentro do Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares. Lançado em setembro do ano passado pelo governo federal, o programa foi desenvolvido para promover a melhoria na qualidade da educação básica do país.

Na unidade serão oferecidas 255 vagas para alunos do 6º ao 9° Ano do Ensino Fundamental, nos dois períodos. As matrículas para alunos novos poderão ser feitas pelo link do portal Matrícula WEB, disponível no site da Prefeitura de Cuiabá, nos dias 9 e 10 de janeiro, dias em que poderão ser feitas as matrículas para as escolas localizadas nas Regionais Sul e Oeste. A unidade atenderá cerca de 510 alunos.

Para receber os alunos, a unidade está passando por uma ampla reforma abrangendo toda a parte de infraestrutura além da reorganização pedagógica e dos espaços.

Leia mais:  Câmara aprova seis sessões solenes nesta quinta

Assessores da Diretoria de Ensino (DE) da Secretaria de Educação junto com a equipe pedagógica da unidade estão reformulando a grade curricular da unidade, que oferecerá além das disciplinas comuns nas áreas de Linguagens, Ciências da Natureza e Humanas, Matemática e Ciências Sociais uma parte diversificada com Educação Moral e Cívica, Informática, Educação Ambiental/Horta, Linguagem Corporal/Judô, Arte/ Banda e Fanfarra e Danças/Siriri e Cururu e também Educação Física/Natação.

Também na parte diversificada, os alunos participarão do Projeto Valores, com atividades ministradas por militares da reserva das Forças Armadas. Os  aspectos da vida cidadã como saúde, sexualidade, vida familiar e social, direitos dos idosos, das crianças, educação para o trabalho, para o trânsito, meio ambiente, pluralidade cultural e outros serão trabalhados com temas contemporâneos transversais, integrados aos componentes curriculares convencionais conforme a política educacional no Município, a Escola Cuiabana.

O prefeito Emanuel Pinheiro falou sobre o perfil cívico militar preconizado pelo programa e destacou que se trata de um ambiente de parcerias. “Nesse ambiente possibilitamos a construção de vínculos entre os gestores, professores, militares, estudantes e pais e responsáveis, onde a qualidade do ensino e a disciplina são as metas”, disse o prefeito Emanuel Pinheiro.

Leia mais:  ALMT realiza primeira exposição com artesãos independentes

O secretário de Educação de Cuiabá, Alex Vieira Passos, destacou que a anuência da comunidade escolar foi fundamental para a implantação da escola cívico militar no município. “Uma audiência publica realizada no final do ano passado, reuniu a comunidade escolar que demonstrou o interesse pela modalidade de ensino em especial pela qualidade e disciplina, segurança, valores morais e cívicos”, disse o secretário Alex Vieira Passos.

 

Comentários Facebook
publicidade

Educação

Aulas não presenciais na rede estadual começam na segunda-feira em MT

Publicado

As aulas para os alunos da rede estadual de ensino retornam na segunda-feira (3) de forma não presencial (online e off-line). As aulas serão ofertadas de duas formas, online, por meio da plataforma digital Aprendizagem Conectada, e off-line, com apostilas para quem não tem acesso à internet.

As aulas não presenciais serão organizadas em cinco etapas: produção do material escolar, com a organização semanal de estudos e planejamento do professor; disponibilização do material escolar; atendimento ao estudante; intervenção pedagógica; e registro em tempo real no final do semestre.

Por meio de uma parceria com a Microsoft Corporations, será disponibilizado aos estudantes e professores o aplicativo Teams, uma ferramenta para auxiliar nas aulas online. O aplicativo Teams é uma multiplataforma que pode ser utilizada a partir de um desktop (computador pessoal), notebook, tablet ou dispositivo móvel (celular). Com ele, os professores poderão interagir com os estudantes, compartilhar arquivos e sites, criar blocos de anotações de classe, além de disponibilizar tarefas e questionários.

Leia mais:  Equipe do gabinete do vereador Toninho de Souza realiza doação de sangue

A Seduc também vai continuar ofertando as videoaulas pela TV Assembleia, tanto para os alunos do ensino médio quanto para os do fundamental.

Conforme destaca a secretária de Estado de Educação, Marioneide kliemaschewsk, as aulas não presencias terão a participação e envolvimento de toda a unidade educacional, ou seja, equipe gestora, coordenador pedagógico e, principalmente, do professor.

Para os alunos sem acesso à internet, a Seduc disponibiliza apostilas impressas que podem ser solicitadas pelos pais diretamente na escola. Para arcar com as despesas com essas impressões, a Seduc repassa recurso para as escolas por meio do Programa Político Pedagógico.

A secretária ressalta ainda que a parceria entre a escola e a família será imprescindível para garantir o acesso, a permanência e o sucesso do aluno.

Para ter acesso às aulas online, o aluno deve entrar no www.aprendizagemconectada.mt.gov.br ou no site da Seduc www.seduc.mt.gov.br.

Formação
A Seduc está realizando a formação continuada com os professores (efetivos e contratados) sobre o uso de tecnologias digitais que serão usadas nas aulas não presenciais, como, por exemplo, o uso de recursos da Microsoft Teams. A capacitação será ofertada em duas etapas pelos 15 Centros de Formação e Atualização dos Profissionais da Educação Básica (Cefapros). A primeira etapa foi de 20 a 31 de julho e a segunda será de 17 de agosto a 11 de setembro, totalizando 60 horas.

Leia mais:  Deputados falam com servidores estaduais sobre votações na ALMT

A metodologia adotada é a perspectiva da aula invertida. O material de apoio está disponibilizado na plataforma Aprendizagem Conectada, no ícone “Orientações”, “Orientações aos Professores”, “Formação” e “Vídeos”.

Por: G1

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana