conecte-se conosco


Cidades

25% das pessoas que fizeram exames de Covid-19 em MT testaram positivo, diz IBGE;

Publicado

Um quarto da população de Mato Grosso que realizou teste para Covid-19, até agosto deste ano, testou positivo, conforme dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), nesta quinta-feira (24).

Conforme o levantamento, foram 310 mil exames realizados até agosto deste ano no estado. Desses, 79 mil resultados foram positivos para Covid-19, o que representa 25,4%.

O índice está acima da médica nacional. A pesquisa mostra que 17,9 milhões de pessoas realizaram testes para a doença no Brasil. Dessas, 21,6% (ou 3,9 milhões de pessoas) testaram positivo.

Entre os testes para diagnóstico da doença, estão os exames com material coletado na boca ou nariz com o cotonete (120 mil realizados, sendo 33 mil com o resultado positivo); o teste rápido com sangue coletado por um furo no dedo (108 mil, sendo 19 mil positivos); ou o exame com sangue retirado da veia do braço (137 mil, sendo 40 mil positivos).

Leia mais:  Deputados e senadores de MT estão no Pantanal e traçam estratégia para salvar bioma

Segundo a PNAD Covid-19, 262 mil mato-grossenses apresentaram pelo menos um dos 12 sintomas associados à síndrome gripal (febre, tosse, dor de garganta, dificuldade para respirar, dor de cabeça, dor no peito, náusea, nariz entupido ou escorrendo, fadiga, dor nos olhos, perda de olfato ou paladar e dor muscular).

Do total de pessoas que apresentaram algum sintoma, apenas 32,7% procurou uma unidade de saúde para atendimento.

Até essa quarta-feira (23), 3.336 morreram em decorrência do novo coronavírus no estado, conforme o boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT).

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

Prefeitura publica calendário de pagamento do IPTU; veja datas

Publicado

A Prefeitura de Cuiabá estabeleceu a programação para pagamento do IPTU em 2021, que deve começar a partir de 1º de março. O Decreto nº 8.285, que determina o cronograma, foi publicado na Gazeta Municipal.

 

Assim como em outras edições, o pagamento poderá ser feito em cota única ou em até oito parcelas. O valor mínimo de cada parcela será de R$ 57,26.

 

Aqueles que não tiverem débitos de anos anteriores e optarem por quitar o IPTU em cota única até o dia 14 de abril, terão desconto de 10%. Os carnês serão enviados para todos os contribuintes que contam no Cadastro Imobiliário do Município.

 

Já as guias do IPTU de imóveis territoriais deverão ser retiradas nos postos de atendimentos do Município ou por meio do site.

 

A retirada presencial poderá ser feita no Centro Integrado de Atendimento ao Contribuinte (CIAC), nas Lojas de Atendimento ao Contribuinte (LAC-Norte e LAC-SUL), e em outros postos de atendimento que serão indicados pela Prefeitura de Cuiabá.

Leia mais:  Agentes comunitários de saúde passam por capacitação para identificação de câncer bucal

 

Outra informação que o munícipe deverá ficar atento é em relação ao pedido de isenção do pagamento, que neste ano poderá ser feito no período de 1º de junho a 30 de julho, com validade até 2024.

 

Caso a solicitação seja indeferida, será concedido um prazo de 30 dias, a partir da ciência do contribuinte quanto à decisão, para que o valor seja pago sem desconto e sem a incidência de juros e multa.

 

“De acordo com os termos do art. 5º da Lei nº 5.355/2010, alterado pela Lei nº 5.797/2014, estão isentos do Imposto Predial e Territorial Urbano os imóveis residenciais com valor venal atualizado igual ou inferior a R$ 33.921, excluindo-se os imóveis territoriais, comerciais, unidades autônomas desdobradas com cadastro individualizado para fins tributários, chácaras de recreio e garagens de edifícios”, explica o decreto municipal.

 

Veja calendário de pagamento: 

 

Primeira parcela e cota única: 14 de abril

 

Segunda parcela: 14 de maio

 

Terceira parcela: 14 de junho

Leia mais:  Deputados e senadores de MT estão no Pantanal e traçam estratégia para salvar bioma

 

Quarta parcela: 14 de julho

 

Quinta parcela: 13 de agosto

 

Sexta parcela: 14 de setembro

 

Sétima parcela: 14 de outubro

 

Última parcela: 12 de novembro

 

Comentários Facebook
Continue lendo

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana