conecte-se conosco


Cidades

1ª dama destaca mais de 50 ações diretas e indiretas em comemoração ao Dia da Criança

Publicado

A primeira-dama Márcia Pinheiro listou mais de 50 ações diretas e indiretas da gestão voltadas às crianças durante o início das comemorações alusivas ao Dia da Criança, comemorado neste sábado (12). A atuação da Prefeitura de Cuiabá para esse público está presente nas mais variadas áreas como na Saúde, Educação, Assistência Social, Cultura e Esporte.

Segundo a primeira-dama, o Dia das Crianças precisa ser lembrado pelo Poder Público muito mais do que em festividades e distribuição de brinquedos. A necessidade de ações concretas para a melhoria das crianças cuiabanas sob os mais diversos pontos de vista: educacional, social, entre outros.

“As instituições públicas ficam muito voltadas em promover ações de festividades, ações sociais como entrega de brinquedos e o Dia da Criança, acredito, que não esteja restrito apenas a isso. O Poder Público precisa ressaltar e valorizar as ações realmente concretas que venham impactar significativamente na vida dessas crianças”, observou Márcia.

Programas como Siminina e Bom de Bola, Bom de Escola, os quais atendem crianças entre sete e 15 anos, são os grandes exemplos de política públicas de transformação social. No caso do Siminina, a nova roupagem implantada pela gestão do prefeito Emanuel Pinheiro é uma das maiores conquistas a ser comemorada.

“Nós estamos promovendo o maior conjunto de ações da história do Siminina com diversas aulas desde Judô, Ballet, Inglês e muito mais. O Dia da Criança deve ser comemorado por essas ações que visam o futuro das nossas crianças. O Mês da Criança deve levar em conta toda essa gama de ações que deve ser comemorada também”, disse.

Leia mais:  Prefeito entrega pavimentação, nova instalação de escola e revitalização de praça neste domingo

O prefeito Emanuel Pinheiro é um dos mais entusiastas acerca da atuação da Prefeitura para as crianças. Entre as principais ações destacadas pelo gestor está a entrega de kit de uniforme escolar à toda rede municipal de educação composta por mais de 50 mil alunos entre crianças e adolescentes.

“O Dia da Criança é todo dia. Estamos cada dia mais pensando nelas e, consequentemente, no futuro de Cuiabá que são essas crianças. A entrega de uniformes que para muitas delas representam uma roupa, calçado novo porque o pai e mãe trabalhador, em diversos casos, não possuem condições de oferecer. Então, esse é o nosso presente para o Dia da Criança: muito trabalho, dedicação e vontade fazer o melhor para o nosso bem mais precioso, que são as nossas crianças”, afirmou.     

CONFIRA AS PRINCIPAIS AÇÕES:

CONTROLADORIA GERAL DO MUNICÍPIO

1 – Programa Um Por Todos, Todos Por Um

2 – Concurso de Redação e Desenho

3 – Semana da Transparência

CULTURA, ESPORTE E TURISMO

4 – Projeto Pixote

SAÚDE

5 – Programa Saúde da Criança

6 – Programa Saúde na Escola

7 – Tratamento Pediátrico

8 – Tratamento Odontológico

9 – CAPS Adolescer

EDUCAÇÃO

10 – Hora Estendida

11 – Bom de Bola, Bom de Escola

12 – Garatuja

13 – Climatizar é Humanizar

14 – Enxergar é Humanizar

15 – Equoterapia

16 – Classe Hospitalar e Atendimento Domiciliar

Leia mais:  Prefeito lamenta morte de escritora Vera Randazzo, aos 91 anos

17 – Atendimento de Alunos com Surdez/Deficiência Auditiva

18 – Proerd

19 – Distribuição de Kit Escolar

20 – Sem Plateia Não tem Bullyng

21 – Escola em Tempo Integral

22 – Urbanista do Futuro

23 – Inventure Day

24 – Biogás e Eco-Alfabetização na Escola Cuiabana

25 – Jovens Empreendedores Primeiros Passos/ Program Educação Empreendedora

26 – Programa União Faz a Vida

27 – Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente

28 – Profesp

29 – Saúde na Escola

ASSISTÊNCIA SOCIAL

30 – Projeto Curumim

31 – Kits de Uniformes (Programa Siminina)

32 – Páscoa Criança Feliz

33 – Campanha Faça Bonito

34 – Projeto Primeiro Passo

35 – Entrega de Material ao Serviço de Convivência de Vínculo

36 – Dia de Combate ao Trabalho Infantil

37 – Seminário 27 anos do ECA

38 – Convênio com Instituições Não Governamentais

39 – Projeto Criança Feliz

40 – Projeto Dinda

41 – Inauguração Unidade Sucuri (Programa Siminina)

42 – Agente Voluntário Mirim

43 – Projeto Proteger

44 – Centro para Crianças com Microcefalia

45 – Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

46 – Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil

47 – Projeto Brincar

48 – Certificação do Siminina Digital (Programa Siminina)

MOBILIDADE URBANA

49 – Programa Faixa Cidadã

SERVIÇOS URBANOS

50 – Projeto Eco Bus

E muitos outros..

Comentários Facebook
publicidade

Cidades

UFMT aponta bairros que apresentam casos de Covid-19 em Cuiabá

Publicado

por

O levantamento mostra que a região do Condomínio Florais é que apresenta maior incidência, com três casos, seguido pelos bairros Jardim Vitória e Jardim Itália, com dois casos cada um.

Um estudo realizado pelo departamento de geografia da Universidade Federal de Mato Grosso traz o levantamento dos casos confirmados de coronavírus na capital e aponta os bairros de incidência. O levantamento mostra que a região do Condomínio Florais é que apresenta maior incidência, com três casos, seguido pelos bairros Jardim Vitória e Jardim Itália, com dois casos cada um.

Os outros bairros que estão no mapa e apresentam casos são: Paiaguás, Morada da Serra, Morada do Ouro, Bela Vista, Santa Cruz, Jardim Imperial, Boa Esperança, Santa Cruz, Jardim Leblon, Bandeirantes, Quilombo, Duque de Caxias, Santa Rosa e Centro-sul.

De acordo com o levantamento, a distribuição espacial da Covid-19 em Cuiabá repete o padrão de difusão vistos em outras grandes cidades do país: o vírus chega pelas pessoas que estiveram em viagem a outros países ou a outros estados brasileiros, e é transmitido aos familiares e amigos que convivem com os infectados.

Leia mais:  Semob inicia Semana do Trânsito com blitz educativa e grupo de teatro

Segundo o estudo, que é em parceria com Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá, no município, como em outras localidades, a doença ainda tem atingido populações de áreas com renda média ou alta.

Há a preocupação de que o vírus passe a circular entre as pessoas de áreas socialmente desfavorecidas, onde muitas vezes o convívio, mesmo em período de isolamento social, é muito mais próximo devido a alta densidade demográfica destas localidades.

Segundo o estudo, em bairros de classe média, normalmente as casas são mais afastadas, com cômodos que permitem o isolamento da pessoa doente. Em muitas residências de áreas pobres não há cômodos que permitam o isolamento completo, o que facilita o contágio por parte daquelas pessoas residentes no mesmo local.

O levantamento mostra que na capital do estado há um crescimento médio diário de 25% do número de casos. O número passou de 5 para 25 casos em apenas 10 dias.No dia 31 de março eram 16 bairros com casos na cidade, e a maior parte das pessoas doentes não sabiam informar o contato de origem, ou seja, onde foi infectado. Esses casos são caracterizados como transmissão comunitária.

Leia mais:  Prefeito entrega pavimentação, nova instalação de escola e revitalização de praça neste domingo

Comentários Facebook
Continue lendo

Deixe sua Opinião

Como você define o governo de Mauro Mendes, até agora ?

Polícia

Mato Grosso

Entretenimento

Esportes

Mais Lidas da Semana