21 de abril de 2018 - 21:35

Educação

25/09/2017 06:26

Candidatos perdem prova de concurso da Seduc-MT e alegam endereço incorreto do local

Vanessa Magalhães Corrêa disse que pelo menos sete candidatos, além dela, ficaram sem fazer a prova porque erraram o endereço. Organizadora do concurso ainda não se manifestou sobre o assunto.

Por G1 MT

lguns candidatos às vagas de apoio administrativo da Secretaria Estadual de Educação (Seduc) chegaram atrasados ao local neste domingo (24) e não puderam fazer a prova, em Cuiabá. Vanessa Lopes de Magalhães Corrêa é uma delas. Ela alega que o endereço que consta no site da organizadora do concurso não é o mesmo onde atualmente funciona o Instituto Invest de Educação.

O local mudou de endereço, mas, segundo ela, no site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), responsável pelo concurso público da Seduc, continua o endereço anterior. A reportagem do G1 entrou em contato com o IBFC neste domingo e a funcionária que atendeu pediu que a ligação fosse retornada na segunda-feira (25).

"Cheguei no local com o meu marido, que também faria a prova, mas em outro lugar, e um dos donos da instituição falou que o endereço não era mais lá, no Centro, e que era para a gente ir na Avenida Fernando Corrêa", contou Vanessa.

Ela disse que eles saíram rápido do prédio na Rua Pedro Celestino, na região central, e foram até o endereço informado por ele, na Avenida Fernando Corrêa da Costa, na região do Coxipó. Chegando lá, o portão havia acabado de fechar e ela não pôde entrar para fazer a prova por causa do horário.

"Chegamos com um minuto de atraso e não deixaram que eu entrasse. Nisso, outras pessoas também chegaram porque tinham errado o endereço", afirmou.

De acordo com Vanessa, que trabalha em uma distribuidora de brinquedos, pelo menos outras sete pessoas também não conseguiram fazer a prova pelo motivo.

O marido dela, que também faria a prova, disse que pretendia levar a mulher e depois ir até o local onde ele prestaria o concurso, mas diante do imprevisto não conseguiu chegar a tempo. "Isso foi um erro deles porque o endereço estava desatualizado", reclamou Ariovaldo Corrêa.

O concurso oferece 3.324 vagas para o cargo de professor; 1.496 vagas para o cargo de apoio administrativo e 928 para o cargo de técnico administrativo, além de cadastro de reserva de 50% do total de vagas.

Ao todo, 250.553 concorrem às 5.748 vagas oferecidas no concurso.


Copyright 2016 -  Todos os direitos reservados

versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo